Quarta-feira, Abril 17, 2024
13.9 C
Braga
RegiãoPóvoa de LanhosoPóvoa de Lanhoso integra Rede de Autarquias que Cuidam dos Cuidadores Informais

Póvoa de Lanhoso integra Rede de Autarquias que Cuidam dos Cuidadores Informais

© CM Póvoa de Lanhoso

A Póvoa de Lanhoso já faz parte da Rede de Autarquias que Cuidam dos Cuidadores Informais.

A candidatura povoense que foi aprovada tem por base o trabalho que é desenvolvido pelo GACI – Gabinete de Apoio ao Cuidador Informal. “O projeto é um dos que obtiveram as melhores avaliações globais (com base nos diferentes critérios que constam no regulamento). Este reconhecimento da relevância desta resposta para o território concelhio materializa-se na atribuição de um selo de mérito, com vigência até ao final de 2023”, refere a autarquia.

O GACI é uma resposta inovadora, de âmbito social e de saúde, promovida pela Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso. Para a vereadora com o Pelouro das Famílias, Fátima Moreira, esta distinção comporta “satisfação, responsabilidade acrescida e motivação para fazer mais e melhor”.

O GACI encontra-se ao dispor de todos os familiares, residentes no concelho, cuidadores de pessoas com dependência, independentemente da sua idade (desde crianças a idosos) e da sua condição base. Realiza o diagnóstico de necessidades nos domínios físico, social, habitacional e de carga emocional do idoso ou da pessoa dependente e do seu cuidador informal. Outra vertente assenta no apoio e acompanhamento das pessoas dependentes e dos cuidadores, dando resposta às necessidades identificadas, procedendo ao encaminhamento dos utentes para outros recursos na comunidade. Dinamiza ainda um Grupo de Ajuda Mútua, com reuniões mensais.

Este recurso, que tem constituída uma equipa multidisciplinar, da área da saúde, da área da educação e da área social, também se propõe a realizar sessões de formação e informação à comunidade de cuidadores informais, promovendo a qualidade dos cuidados disponibilizados à pessoa dependente e a redução dos riscos. Também promove ações que permitam diminuir a ansiedade, apoio na gestão de emoções, prevenção de estados depressivos ou mesmo apoio no processo de luto.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES