Domingo, Dezembro 4, 2022
11.2 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesTradição e Animação marcam arranque da Receção ao Caloiro da UMinho

Tradição e Animação marcam arranque da Receção ao Caloiro da UMinho

© AAUMinho

O pontapé de saída da Receção ao Caloiro 2022 da Universidade do Minho (UMinho) foi dado na terça-feira, na cidade de Guimarães. A festividade, que dura até ao próximo sábado, está a unir a tradição académica à comunidade.

Como habitualmente acontece, as Serenatas Velhas decorreram na noite de terça-feira, no centro histórico vimaranense. Centenas de académicos trajados percorreram as ruas, juntamente com o grupo de fados da Associação Académica da Universidade do Minho (AAUMinho), Sina. Após o percurso, o Largo da Oliveira passou a ser o palco para o Sina. O momento emocionou os alunos e comunidade local presente, enquanto o silêncio reinou e o Fado triunfou.

A tradição continua presente e na tarde de ontem foi a vez da Latada decorrer. Os novos estudantes da Academia Minhota desfilaram, juntamente com alunos de anos mais avançados. Cada curso inspirou-se em determinado tema académico e social e realizou uma apresentação a um júri, composto pelo presidente da AAUMinho, Duarte Lopes.

Com o aproximar da noite e após uma tarde diferente, foi a vez da animação mudar de localização. O Multiusos de Guimarães passou a ser o ponto de encontro para milhares de pessoas. Tanto académicos minhotos, como público em geral, celebraram a música portuguesa.

Ivandro estreou o recinto e levou os académicos “à Lua”. As lanternas iluminaram o Multiusos, ao mesmo tempo, que as vozes do público preencheram o ambiente. O músico admitiu à AAUMinho que já conquistou “um bocadinho do sonho”, mas que o “objetivo é ainda chegar mais longe”. Além disso, revelou que vai lançar “mais uma participação e dois temas para finalizar o EP”.

A multidão não saiu do lugar e aguardou ansiosamente pela incomparável Rosinha. A artista chegou ao palco com o seu acordeão, óculos de sol e boa disposição. “Eu Descasco-lhe a Banana”, “Eu Chupo” e “Eu Levo no Pacote” foram alguns dos temas que levaram os académicos ao êxtase.

A noite terminou com a imperdível presença dos Kalhambeke. O grupo musical, composto por antigos estudantes da UMinho, cantou vários êxitos nacionais e internacionais, sempre com diversão e dança à mistura. Também ficou à responsabilidade da banda, anunciar os vencedores da Latada deste ano. O prémio foi para Gestão de Sistemas de Informação, seguida por Biologia Aplicada no segundo lugar e Sociologia no terceiro lugar. Proteção Civil e Gestão do Território, Contabilidade e Aeroespacial receberam menção honrosa.

A boa disposição permaneceu no recinto até ao nascer do sol. Acompanhados pelo G-Soul, o público recordou vários hits e dançou até ao apagar das luzes.

Para a noite de hoje é esperada a presença dos Grupos Culturais da UMinho, que vão levar a Cultura ao recinto. A diversão também marcará presença com Joint One e o DJ Luís Marinho, numa festa dos anos 90’s & 00’s.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS