Segunda-feira, Dezembro 5, 2022
10 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesGuimarães transforma-se em Cidade Natal a partir de 1 de dezembro

Guimarães transforma-se em Cidade Natal a partir de 1 de dezembro

© CM Guimarães

O programa “Guimarães, Cidade Natal” foi apresentado esta segunda-feira. Paradas natalícias, mercado de Natal, animação de ruas, concertos, festa intergeracional, espetáculo musical e ainda a passagem de ano no Largo do Toural são os momentos que marcam o programa para o mês de dezembro.

A partir de 1 de dezembro a 1 de janeiro de 2023 são diversas as atividades que garantem uma dinâmica maior à cidade. O vereador da Cultura destacou que o programa foi preparado com o objetivo de “permitir às pessoas usufruírem do espaço público, em segurança e conforto, atraídas ainda pela programação que será uma constante no âmbito do espírito natalício, proporcionando assim uma maior dinamização do comércio local”.

Paulo Lopes Silva destacou que o programa é dirigido às várias faixas etárias, e em especial às famílias. “Guimarães estará de braços abertos para receber quem nos visita, desde os mais velhos aos mais novos, proporcionando esta magia tradicional da época na ligação à Cidade Natal à Cidade onde nasceu Portugal”, salientou.

O arranque do programa está agendado para 1 de dezembro, com a organização de uma grande Parada de Natal a anunciar a chegada do Pai Natal a Guimarães e o momento da ligação das luzes (17:30).

O programa foi desenvolvido em parceria com a Sol do Miral – Associação Cultural e a Associação Vimaranense de Hotelaria (AVH). No primeiro caso, fruto da experiência de outros anos, está associada a programação de animação nas ruas, no Mercado de Natal e na Casa do Pai Natal. A AVH assume a organização da Passagem de Ano, que este ano acontecerá no Largo do Toural.

José Diogo Silva,presidente da AVH, destacou o sucesso da realização do Sunset no verão passado para avançar a celebração da Passagem de Ano no Largo do Toural, em vez do Centro Histórico.

Este ano, o Mercado de Natal realizar-se-á no Largo Condessa do Juncal, com animação permanente, e com as condições de conforto asseguradas em caso de mau tempo. “A principal razão que nos levou a alterar o local do Jardim da Alameda prende-se com a imprevisibilidade das condições climatéricas. No passado, chegamos a cancelar cerca de 60% das atividades devido ao mau tempo e agora estará preparado outro tipo de condições e cobertura para a realização das atividades no Mercado de Natal”, explicou Paulo Lopes Silva.

O programa fica ainda completo com os Concertos de Natal, as Jornadas do Grande Órgão Histórico da Colegiada da Nossa Senhora da Oliveira, a Festa Intergeracional no Multiusos de Guimarães e o espetáculo musical “Uma Espécie de Coisa”, agendado para o dia 21 de dezembro, no Centro Cultural Vila Flor, para assinalar o encerramento dos 10 anos da Capital Europeia da Cultura.

No dia 1 de janeiro, pelas 17:00, está agendado o já habitual Concerto de Ano Novo com a Orquestra de Guimarães e participação da Academia de Bailado de Guimarães.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS