Quarta-feira, Outubro 20, 2021
18.4 C
Braga
InícioCultura30ª edição da Feira do Livro de Braga marca regresso ao formato...

30ª edição da Feira do Livro de Braga marca regresso ao formato presencial

InvestBraga

A 30ª edição da Feira do Livro de Braga marca o regresso do certame ao formato presencial, num evento que, por segurança, deixa, em 2021, o centro histórico da cidade e ruma ao pavilhão do Altice Forum Braga. O evento, que acontecerá de 9 a 25 de julho, é de entrada gratuita e contará com o envolvimento de mais de 160 autores e criadores e 21 livreiros e alfarrabistas e editoras.

Com o “Lado B” da cultura a servir de mote para a edição 2021, são quatro as personalidades da história e da cultura de Braga que inspiram o programa. Será a partir da poesia de Sebastião Alba, da inovação de António Variações, da confrontação do “Eu” com o mundo da obra de Maria Ondina Braga e do olhar particular de Mestre José Veiga, que a feira corporizará o espírito de Braga na atração pelo Lado B. Para Lídia Dias, vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Braga, “a invocação destas figuras relacionadas com a cultura bracarense servirá de ponto de partida para o encontro de públicos diferenciados, mas importantes para a feira”.

Dulce Maria Cardoso, Pedro Chagas Freitas, Samuel Úria e João Melo são alguns dos nomes que figuram no programa da edição 2021, que conjugará entrevistas, debates, tertúlias e apresentações de livros com espetáculos musicais e a criação de um painel de azulejos coletivo, criado por 14 mulheres.

O certame contará também com a implementação de silent events, permitindo que o público acompanhe os eventos inseridos na programação do Município de Braga, do dst group e da Zet Gallery. A implementação deste conceito de eventos irá conduzir o espectador por uma experiência imersiva, sem poluição sonora e com menos distrações, dando a possibilidade do público se concentrar no que está a decorrer nos palcos da Feira do Livro de Braga. “Quisemos trazer inovação para a Feira do Livro e, deste modo, melhorar a experiência dos visitantes”, avança Carlos Silva, administrador executivo da InvestBraga.

Com 21 livreiros, alfarrabistas e editoras presentes na feira, Carlos Silva destaca a importância de, em 2021, terem usufruído de um grande apoio por parte do Município de Braga, da InvestBraga e do dstgroup. “Num ano tão particular como este, quisemos garantir que os expositores não teriam nenhum custo com a afetação dos espaços no certame”, diz indicando também que “os livreiros e alfarrabistas voltarão a ter lojas online na dott, assumindo a InvestBraga e o Município de Braga o custo das taxas e dos portes de envio das encomendas”.

Já José Teixeira, presidente do dstgroup, mecenas do evento, sublinha a necessidade de apoiar as livrarias e os alfarrabistas, negócios muito afetados pela crise trazida pela pandemia da Covid-19. “As livrarias viveram e ainda vivem um drama incrível. Houve parte da economia que parou, mas que, entretanto, foi retomando a sua atividade, todavia, os livros e a cultura ainda estão parados e não nos podemos esquecer que é nos momentos mais dramáticos que temos de apostar na cultura”, diz. Sobre a oferta dos espaços para os expositores, o mecenas explica que se optou por um modelo que possa trazer os livreiros para a feira sem custos, mas gerando também vendas de livros.

A par da programação realizada presencialmente, a Feira do Livro de Braga contará com a transmissão, através dos seus canais digitais, de um conjunto de eventos integrados no certame.

Feira do Livro muda-se para o Altice Forum Braga por segurança

No ano em que a feira regressa ao formato presencial, mas em que se muda temporariamente para o Altice Forum Braga, Lídia Dias destaca o facto da escolha do espaço permitir a implementação de todas as normas de prevenção contra a Covid-19 e, deste modo, “oferecer conforto e segurança, quer para os expositores, quer para o público, num desafio a que as pessoas visitem a feira e se ‘apropriem’ da cultura em segurança”.

Carlos Silva realça, por sua vez, que “esta solução irá permitir também que os utentes do Centro de Vacinação instalado no Altice Forum Braga possam passar pela Feira do Livro, usufruindo de todos os eventos previstos para o certame”.

“A concretização da feira como a desenhámos foi estudada ao pormenor com as autoridades de saúde locais e nacionais, o que irá até permitir a deslocação do Centro de Vacinação para uma área contígua ao espaço da Feira do Livro, de forma a podermos criar um espaço de lazer para os utentes que estejam na fila de espera para a vacinação contra a Covid-19”, acrescentou o responsável da InvestBraga.

Mural construído durante a Feira do Livro ficará no Altice Forum Braga

Inserida na programação da Feira do Livro de Braga, a zet gallery irá criar, com o apoio de 14 artistas mulheres, um painel de azulejos coletivo, que ficará no exterior do Altice Forum Braga. A iniciativa integra um ciclo de programação em que a zet gallery pretende afirmar a criação artística no feminino. Diariamente, uma das criadoras estará no local a trabalhar numa parte do painel, apresentando o desenvolvimento dos trabalhos ao longo da semana e, em cada domingo, serão dinamizadas tertúlias que permitirão abordar os contextos e os processos criativos.

O mural será colocado no exterior do Altice Forum Braga, do lado do parque de estacionamento, sendo inaugurado no último dia da Feira do Livro e oferecido à cidade de Braga.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS