Quarta-feira, Outubro 5, 2022
17.8 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeEsposende: Benjamim Pereira inaugura investimentos de mais de 1,5 milhões de euros...

Esposende: Benjamim Pereira inaugura investimentos de mais de 1,5 milhões de euros em Marinhas

© CM Esposende

Benjamim Pereira, presidente da Câmara Municipal de Esposende, procedeu hoje à inauguração das obras de instalação de saneamento e requalificação urbana do Lugar do Monte, em Marinhas.

Em causa um investimento superior a 1,5 milhões de euros que englobou intervenções na avenida do Monte; rua 5 de agosto; rua Joaquim Regado; rua Bouça do Monte; rua da Cabine; travessa da Escola; rua, travessa e beco 24 de junho; rua e travessa São João do Monte; rua e travessa da Branca; rua e travessa 9 de Abril; rua da Ponte Nova; e na rua, travessa e beco das Carneiras. Os trabalhos passaram pela execução de troços de instalação da rede de abastecimento de água, rede de saneamento, rede de águas pluviais, pavimentações em cubo de granito e betuminoso, rede de telecomunicações, baixa tensão e iluminação pública, rede de gás natural (a cargo da EDP Gás) e reperfilamento de muros. Do montante global, o Município e a Esposende Ambiente custearam quase a totalidade do investimento, cerca de 1,2 milhões de euros, sendo que 304 mil euros foram financiados pelo POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos.

O presidente da União das Freguesias de Esposende, Marinhas e Gandra, Aurélio Neiva, expressou “enorme satisfação” pela concretização de uma “obra desejada há mais de duas décadas pelos moradores do lugar do Monte”. Reconhecendo que foi uma obra “morosa”, pediu desculpa à população. Afirmou, contudo, que “valeu a pena” pelos benefícios e qualidade de vida para a população, enaltecendo as “excelentes condições desta zona urbana devidamente equipada”. O autarca realçou e agradeceu o “esforço financeiro” do Município e a colaboração da Esposende Ambiente e valorizou a “sensibilidade” dos proprietários que cederem “gratuitamente” parcelas de terreno para o alargamento de vias, agradecendo, ainda, a compreensão dos que sofreram os incómodos inerentes à execução das obras. A terminar, deixou um apelo à responsabilidade dos automobilistas para o cumprimento das normas de segurança rodoviária.

Reconhecendo que a obra era “difícil, mas necessária”, Benjamim Pereira expressou satisfação pela sua concretização, na medida em que “era há muito ambicionada e vem dar resposta aos anseios e necessidades das populações, não obstante a morosidade do processo, quer pela dificuldade da execução da obra devido à zona rochosa, quer pelas vicissitudes de ter sido realizada em duas empreitadas”.

Benjamim Pereira destacou o papel de “mediador” do autarca Aurélio Neiva e agradeceu aos proprietários as cedências de terreno, bem como a sua compreensão face aos transtornos das obras.

Nesta que foi a terceira inauguração deste mandato, depois dos Espaços Cidadão de Apúlia e Forjães e das ruas da Senra e dos Rotários, em Curvos, o autarca afirmou que o investimento “não abrandará”. Referiu, a propósito, que, também em Marinhas, está em execução a 1.ª fase da obra do Parque Temático dos Moinhos da Abelheira e que se encontra na reta final a obra de Outeiro e da Escola de Pinhote. Deu nota de que a requalificação da Zona Central de Marinhas prossegue a bom ritmo e revelou que o projeto vai incluir também um anfiteatro, que não estava inicialmente previsto, notando que a empreitada ultrapassa já meio milhão de euros. Referiu, ainda, que está já ao serviço da população uma zona de estacionamento no loteamento de Góios, por via da aquisição pelo Município de um terreno para o efeito, e adiantou que até ao final do ano deve estar concluído o acordo com o Instituto de Estradas para a execução da rotunda junto à Cruz Vermelha de Marinhas. Em suma, vincou, “o Município está a dar cumprimento aos compromissos assumidos com as populações, através da execução de um conjunto de intervenções da maior relevância e de grande envolvência financeira, sem descurar o apoio às associações e instituições locais”. Recordou, a propósito, a comparticipação para a compra do autocarro da JUM, o apoio constante à delegação da Cruz Vermelha para aquisição de viaturas, a comparticipação aos escuteiros para a reabilitação da sua sede e os diversos apoios ao Futebol Clube das Marinhas.

“Estamos também a trabalhar de forma árdua nos grandes projetos estruturantes para o futuro”, afirmou Benjamim Pereira, nomeadamente na elaboração do orçamento para 2022, equilibrando as diversas áreas e aproveitando todas as oportunidades de financiamento dos fundos comunitários. Assumindo que há ainda uma percentagem do concelho que não dispõe de saneamento, o presidente da Câmara Municipal de Esposende manifestou a expectativa de que o próximo Quadro Comunitário de Apoio “disponibilize recursos financeiros para estas infraestruturas, um investimento cada vez mais prioritário, na medida em que a existência desta rede básica ditará a capacidade construtiva do PDM”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS