Sábado, Junho 22, 2024
26.7 C
Braga
BragaBraga recupera tradição de lavar a roupa à mão antiga

Braga recupera tradição de lavar a roupa à mão antiga

© AGERE

A AGERE, em parceria com a Fundação Bracara Augusta e a UMinho, realizou mais uma sessão do projeto “Memórias do Tanque”, este sábado, no Tanque de Trezeste, em Celeirós, Braga, numa sessão que contou com a participação do grupo de teatro amador “Artes d’Alegria”, da Associação Cultural e Recreativa Semear.

A iniciativa marcou o início dos trabalhos de levantamento dos tanques, fontanários e lavadouros comunitários na União de Freguesias de Celeirós, Aveleda e Vimieiro e contou com a presença do presidente da AGERE, do presidente da Junta de Freguesia e membros da comunidade e representantes locais. A participação do Grupo Artes d’Alegria, que reconhecendo a importância da iniciativa se quis associar à mesma.

Rui Morais expressou o seu contentamento pela adesão e entusiasmo da comunidade, em particular, pela participação do grupo de teatro amador, em mais uma etapa do projeto “Memórias do Tanque”. “Estamos extremamente satisfeitos com a participação ativa da comunidade e com o envolvimento do grupo de teatro ‘Semear Alegria’ nesta sessão específica das Memórias do Tanque, uma vez que a presença ativa de um grupo cultural local vem não só reforçar a importância deste projeto na preservação do património cultural material, mas também permite demonstrar às novas gerações a riqueza do património histórico imaterial que está inerente a este projeto. Além do grande objetivo de levantamento e catalogação destes locais, para potenciar a sua reabilitação, também é muito importante mantemos viva a história dos das gerações anteriores, criando um legado duradouro para as futuras”, disse.

© AGERE

As sessões das “Memórias do Tanque” decorrem no âmbito do protocolo assinado a 16 de novembro de 2022 entre a Fundação Bracara Augusta, a Universidade do Minho, a AGERE e as 37 Juntas/Uniões de freguesia do concelho de Braga e que visa recolher memórias, fotografias e documentos que suportem a elaboração de conteúdos históricos por freguesia e que permitam melhorar os registos sobre a história da cidade de Braga.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES