Sexta-feira, Abril 19, 2024
24.4 C
Braga
BragaTUB e STAL assinam acordo histórico para melhores salários

TUB e STAL assinam acordo histórico para melhores salários

© CM Braga

Decorreu hoje a assinatura do Acordo de Empresa entre os Transportes Urbanos de Braga (TUB) e o STAL – Sindicato Nacional de Trabalhadores da Administração Local e Regional.

A iniciativa de estabelecer um acordo de empresa integra-se “num continuado esforço” dos últimos nove anos de aproximar as condições de trabalho entre os trabalhadores sob contrato individual de trabalho e os trabalhadores cedidos no âmbito do contrato de cedência de interesse público celebrado com o município de Braga, favorecendo a existência de melhores condições de trabalho para ambos os grupos de trabalhadores.

Como referiu Sandra Cerqueira, administradora dos TUB, tornou-se de “grande importância” a existência de um quadro regulatório próprio, que considere a diversidade social da empresa e a sua especificidade, capaz de vigorar durante um período alargado.

“O processo negocial deste acordo de empresa com o STAL, iniciado em outubro do ano passado e que culminou hoje com a sua assinatura, resulta de um ambiente de diálogo, convergência de vontades e elevado sentido de responsabilidade das partes. Este acordo promove o bem-estar social, salvaguarda o melhor interesse dos trabalhadores e aporta condições favoráveis para todos”, disse Sandra Cerqueira, referindo como principais conquistas do documento a tabela profissional com as retribuições base, a definição da progressão nas carreiras e a atribuição de um prémio de gestão e assiduidade.

Por fim, a administradora dos TUB destacou que os resultados positivos obtidos pela empresa municipal nos últimos nove anos e o seu crescimento sustentado, “resultado de uma gestão eficiente dos recursos, se devem sobretudo aos esforço e conhecimento dos trabalhadores”.

“O aumento geral dos salários e o posicionamento nas novas grelhas salariais representa um relevante esforço para a empresa, mas reconhecemos que é fundamental ir ao encontro das expectativas dos trabalhadores de modo a que possam sentir-se valorizados e responder aos novos e exigentes desafios que se colocam”, afirmou, lembrando que a empresa tem hoje um universo de mais de 380 trabalhadores, prestando um “serviço essencial à população do concelho de Braga e aos seus visitantes e satisfazendo as necessidades de mobilidade de toda a sua área geográfica”.

Por seu turno, Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, afirmou que, face ao período de particulares dificuldades que se vive, é “fundamental que a primeira resposta seja a de garantir aos cidadãos condições de dignidade para o exercício das atividades profissionais, condições de retribuição compatíveis com aquilo que são as responsabilidades que assumem e perspectivas de evolução da carreiras condizentes com as suas ambições”.

“Este acordo demonstra a importância da valorização do diálogo com os trabalhadores e os seus representantes. É um momento histórico que nos deixa especialmente orgulhosos e que resulta do empenho de todos em contribuir para encontrar consensos numa lógica de partilha”, adiantou.

O acordo tem efeitos retroativos a 1 de janeiro deste ano e resulta também de um compromisso assumido no plano estratégico e de sustentabilidade 2030 de conciliação entre a vida profissional, familiar e pessoal.

A iniciativa contou, ainda, com a presença de Henrique Vilallonga, dirigente do STAL.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES