Domingo, Setembro 19, 2021
16 C
Braga
InícioRegiãoCabeceiras de BastoResidência Artística arranca hoje na Casa da Lã em Cabeceiras de Basto

Residência Artística arranca hoje na Casa da Lã em Cabeceiras de Basto

CM Cabeceiras de Basto

Arranca hoje em Cabeceiras de Basto a Residência Artística com a escultora Patrícia Oliveira, artista que tem vindo, nos últimos meses, a explorar a técnica da lã e que, em articulação com a Casa da Lã e com artesãos locais, preparou a produção de uma obra de arte em lã que será agora concretizada.

Esta Residência Artística está integrada no programa de Residências Artísticas do projeto “Amar o Minhp” e constitui-se como uma das linhas de ação do consórcio “MINHO IN” para promoção da marca Minho, do ponto de vista cultural e turístico. O consórcio “MINHO IN” é constituído pelas Comunidades Intermunicipais (CIM) do Ave, Cávado e Alto Minho que representam 24 Municípios.

A Zet Gallery é responsável pela coordenação artística e comunicação do programa de Residências Artísticas, tendo como curadores do projeto Helena Mendes Pereira e Rafael Vale Machado.

As residências artísticas arrancaram em junho de 2020 e prolongam-se até junho de 2021, tendo sido o programa reajustado e redefinido no sentido de se adaptar às exigências do combate à propagação da pandemia Covid-19.

No âmbito do projeto de Estratégia de Eficiência Coletiva desenvolvido entre as Comunidades Intermunicipais do Ave, Cávado e Alto Minho, designado “Amara o Minho”, está prevista a realização de 24 residências artísticas nos concelhos da região, uma por cada concelho, abrangendo diversas áreas disciplinares, tais como artesanato, dança, música, fotografia, arte pública e literatura.

São objetivos do programa: a exploração da identidade do Minho como base para o desenvolvimento de 24 momentos de criação artística sob a forma de 24 Residências Artísticas; a definição das Áreas Artísticas de acordo com o elemento identitário de cada concelho e os diversos elementos identitários do Minho; e a articulação com eventos locais e equipamentos para enriquecimento mútuo da iniciativa.

Biografia de Patrícia Oliveira

Patrícia Oliveira nasceu em 1983. É mãe. Trabalha em oficinas no Norte de Portugal que se coadunam com as especificidades dos projetos que no momento estiver a desenvolver. É escultora e tem uma visão lata do campo que esta área compreende. Trabalha sob metodologia de rede colaborativa com artistas, artesãos, instituições e pessoas de múltiplas áreas.

Em 2014 conclui o Mestrado em Escultura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP), com o tema ‘Do corpo visceral animal ao corpo transfronteiriço. Estudo de caso: Retorno a Casa. Que lugar é esse a que chamas casa?’ obtendo como nota final 19 valores, projeto no qual fez uso do pombo-correio e da performance como meio da escultura, projeto que se desenvolveu em espaços públicos do Norte de Portugal. O Alto Minho é a área geográfica de influência e da qual nutre especial carinho.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS