Sexta-feira, Abril 12, 2024
20.5 C
Braga
PolíticaLegislativasPS apresentou Comissão de Honra do distrito de Braga

PS apresentou Comissão de Honra do distrito de Braga

© PS

A Federação de Braga do PS apresentou a Comissão de Honra de apoio à lista de candidatos socialistas pelo círculo eleitoral de Braga, cuja mandatária é a eurodeputada Isabel Estrada Carvalhais.

Esta Comissão de Honra é presidida por José António Vieira da Silva, ex-ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

Entre os mais de 250 nomes destacam-se figuras como Manuel Alegre e Maria de Belém, antigos candidatos presidenciais, o antigo ministro João Soares, Jerónimo Pereira, ex-deputado da Assembleia Constituinte, e o secretário de Estado, Hugo Pires, os deputados Anabela Real, Diogo Cunha, Joaquim Barreto, Luís Soares e Nuno Sá, e Parcidio Summavielle Soares, fundador do PS.

Figuram nesta lista também os cinco presidentes de Câmara socialistas do distrito, nomeadamente Guimarães, Vizela, Fafe, Cabeceiras de Basto e Póvoa de Lanhoso, assim como os bracarenses Pedro Morgado, médico, investigador, docente e vice-presidente da Escola de Medicina da UMinho; a vimaranense Aurora Cunha, ex-atleta olímpica, os médicos Carlos Alegria, Duarte Santos e Henedina Antunes; José Arlindo Nascimento Costa, empresário e presidente do Grupo BecrInvest; e Rui Dias, presidente da Associação de Jovens Empresários.

Das artes destacam-se Pedro Seromenho, escritor; o músico Adolfo Luxúria Canibal; o cantor lírico Daniel Fernandes; e o artista plástico Aires Fumega.

“Esta comissão de honra, tão eclética e representativa de todas as esferas da sociedade, prova a confiança nesta lista de candidatos que encabeço e no PS”, referiu José Luís Carneiro, continuando que “a base eleitoral de apoio do PS é muito abrangente e isso deve-se ao permanente diálogo e trabalho com a sociedade civil”.

Na sua intervenção, o cabeça de lista socialista enalteceu o Minho e as suas gentes. “O legado ancestral da região que testemunhou o nascimento de Portugal, aliado ao seu significativo impacto económico, fundamentado na capacidade industrial, na economia do conhecimento e nas respostas sociais de proximidade, é uma herança que reafirmamos incessantemente. O Minho, há muito tempo impulsionador de Portugal, continuará a desempenhar um papel crucial no nosso progresso futuro”, disse o socialista.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES