Quinta-feira, Abril 25, 2024
13.3 C
Braga
EducaçãoMinistra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior nos 50 anos da UMinho

Ministra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior nos 50 anos da UMinho

© República Portuguesa

A ministra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Elvira Fortunato, vai marcar presença na cerimónia dos 50 anos da UMinho.

A Universidade do Minho vai realizar a cerimónia do seu 50.º aniversário a 17 de fevereiro, pelas 10:30, no salão medieval da Reitoria, no centro de Braga, e com transmissão no YouTube.

O cortejo académico vai sair do Arco da Porta Nova e subir a principal rua pedonal da cidade, entre a população, recriando o que se fez há meio século, quando o então ministro da Educação Nacional, Veiga Simão, chegou para a cerimónia da tomada de posse da comissão instaladora e do primeiro reitor da academia, Carlos Lloyd Braga.

Já na Reitoria, prevê-se as intervenções de Elvira Fortunato, e, da parte da UMinho, da presidente do Conselho Geral, Joana Marques Vidal, do reitor, Rui Vieira de Castro, do presidente da Comissão Comemorativa dos 50 Anos, João Cardoso Rosas, e da presidente da Associação Académica, Margarida Isaías. Vão estar também presentes o ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro e o secretário de Estado do Ensino Superior, Pedro Nuno Teixeira, entre outras figuras.

A sessão inclui vídeos institucionais e a entrega de diplomas, de prémios de mérito e do título de professor emérito a José Vieira, Manuel Rocha Armada, Manuela Martins e Paulo Pereira. Os momentos musicais cabem ao Coro Académico da UMinho e a um Quarteto de Metais do Departamento de Música da Escola de Letras, Artes e Ciências Humanas da UMinho, sob a direção do maestro Cosme Campinho.

Concertos, exposições, fórum e biblioteca digital

Esta sexta-feira há também atividades comemorativas. No campus de Gualtar, em Braga, vai decorrer a apresentação da Biblioteca Digital da UMinho (às 11:00, na Biblioteca Geral), o Fórum “+Educação Superior” com a presença do secretário de Estado Pedro Nuno Teixeira (às 15:00, no Instituto de Educação) e a inauguração do mural “Os Nossos Rostos – 50 Anos UMinho” (às 18:00, no edifício 2).

Às 22:00, o Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães, acolhe o concerto da “9ª Sinfonia” de Beethoven, interpretado pela Orquestra da UMinho e pelos coros do Departamento de Música da UMinho e VianaVocale, sob a direção de Vítor Matos e Vítor Lima. O espetáculo repete-se na noite seguinte, no Theatro Circo, em Braga. No sábado é também inaugurada a exposição “Universidade do Minho: 50 anos a reinventar a educação e o conhecimento”, no Largo do Paço, em Braga. Esta mostra vai itinerar nos próximos meses pelas principais praças dos municípios do Minho.

O programa geral do Cinquentenário da UMinho irá prolongar-se até 17 de fevereiro de 2025, havendo mais 15 atividades elencadas, como concertos, performances, lançamentos de livros, conferências internacionais e a meia-maratona Braga-Guimarães. Os detalhes podem ser consultados aqui.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES