Domingo, Maio 26, 2024
13.9 C
Braga
BragaOrquestra Filarmónica de Braga quer juntar 1000 vozes para cantar “Grândola Vila...

Orquestra Filarmónica de Braga quer juntar 1000 vozes para cantar “Grândola Vila Morena”

Concerto no dia 24 de abril em plena Avenida Central.

© Orquestra Filarmónica de Braga

Lembrar todos aqueles que cantaram e impulsionaram, através da música, a revolução de 25 de Abril de 1974, marco histórico na república portuguesa, é o objetivo do concerto da Orquestra Filarmónica de Braga, que se realiza no dia 24 de abril, às 21:30, na Avenida Central.

A Orquestra Filarmónica de Braga convida todo o público a “não deixar esquecer o fantástico legado daqueles que, com canções, marcaram a sua posição numa época importante de viragem em Portugal”.

“Convidamos toda a população para se juntar a nós para cantar connosco a ‘Grandola Vila Morena’. Queremos formar um coro com mais de 1000 vozes juntando o público aos intérpretes em palco para eternizar este grande momento de celebração publicando vídeo e audio em todas as plataformas digitais e redes sociais. Será um momento único e inesquecível, estamos certos. Podem ouvir o tema nas nossas páginas nas redes sociais e levar a letra no telemóvel, será um momento inesquecível certamente”, refere a orquestra, em comunicado.

“Com mais de 100 elementos em palco lembraremos Zeca Afonso e Adriano Correia de Oliveira, Paulo de Carvalho e Vitorino, Fausto e José Mário Branco, entre outros amigos, cujas emoções perduram na atualidade, e no final juntaremos as vozes de todo o público”, acrescenta.

O concerto conta com a participação da Orquestra Filarmónica de Braga, Grupo Canto Daqui, Coro da Associação de Pais do Conservatório Calouste Gulbenkain de Braga, Coro Académico da Universidade do Minho (CAUM) e o Coro de Abril.

A direção musical estará a cargo do maestro Filipe Cunha, que assina também todos os arranjos e orquestrações do concerto.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES