Domingo, Julho 25, 2021
18.9 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesGuimarães inaugura novas instalações da Universidade das Nações Unidas

Guimarães inaugura novas instalações da Universidade das Nações Unidas

CM Guimarães

A Universidade das Nações Unidas (UNU-EGOV) em Guimarães ganhou maior dimensão com a inauguração da  reabilitação da  antiga fábrica Freitas & Fernandes, na zona de Couros. Esta cerimónia decorreu no dia 24 de Junho, no âmbito das comemorações do “Dia Um de Portugal”, através de um protocolo de cooperação entre a Câmara Municipal de Guimarães e a Universidade do Minho para posterior cedência à UNU-EGOV.

“Guimarães é uma história feita futuro, temos de cuidar bem da nossa memória para projetarmos o futuro. E o futuro é feito de braço dado com a ciência. A ciência que nos dá o conhecimento necessário para a concretização dos projetos e ideias que definimos e entendemos para uma sociedade melhor e para o bem-estar das pessoas”, salientou oDomingos Bragança, presidente da Câmara Municipal de Guimarães, enaltecendo a mais valia para Guimarães ao reforçar as condições para este centro de investigação dedicado à governação eletrónica para todo o mundo.

Instalada em Guimarães há sete anos, esta unidade da UNU-EGOV acolheu cerca de 700 investigadores de mais de seis dezenas de países dos quatro cantos do mundo em trabalho na área da governação digital. Segundo a diretora da Unidade das Nações Unidas de Guimarães, Delfina Soares, “a recuperação deste edifício pela Câmara Municipal de Guimarães revela bem a nobreza de ação e a capacidade de visão daqueles que lideram esta cidade”, reafirmando o grande objetivo da transformação desta unidade num Instituto da Universidade das Nações Unidas.

O reitor da Universidade do Minho destacou a relação entre a autarquia de Guimarães e a instituição de ensino superior como “um quadro único no contexto nacional”, sublinhando as estratégias comuns para a zona de Couros como o segundo Campus da Universidade do Minho em Guimarães. “Importa destacar a convergência a que assistimos entre as duas instituições, num processo complexo como a reabilitação urbana e renovação cultural, no compromisso com o conhecimento e a transformação da nossa sociedade”, disse Rui Vieira de Castro.

A UNU-EGOV é um centro de investigação dedicado à governação eletrónica. Situada na cidade de Guimarães desde 2014, é a única instituição da ONU em Portugal não sediada em Lisboa. A UNU-EGOV faz parte da Universidade das Nações Unidas, sediada em Tóquio e cuja fundação remonta a 1974. Possui vários Institutos e programas localizados em diversos países. É o ramo académico da ONU e tem como principal objetivo trabalhar com os Estados-Membros na resolução dos problemas da humanidade.

Apoie a Braga TV

O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS