Quarta-feira, Fevereiro 28, 2024
7.3 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeEsposende realiza Cãominhada e Feira de Adoção

Esposende realiza Cãominhada e Feira de Adoção

© Angélica Antunes

Para comemorar o Dia Mundial do Animal, que se assinalou esta quarta-feira, o Município de Esposende vai realizar uma tertúlia com as entidades parceiras do Gabinete de Proteção Animal e Veterinária, estando agendada para o próximo sábado, 7 de outubro, uma “Cãominhada” e uma Feira de Adoção.

Com o objetivo de sensibilizar a população para o bem-estar animal, apelar à adoção consciente e responsável, mas também apelar para os benefícios da prática de exercício físico ao ar livre, a “Cãominhada” realiza-se a partir das 10:00 de sábado, com encontro marcado para o parque junto às Piscinas Foz do Cávado, em Esposende.

“Todas as pessoas podem participar gratuitamente com os seus animais de estimação, desde que estes sejam saudáveis, possuam microchip, vacina antirrábica válida e estejam licenciados pela Junta de Freguesia da sua área de residência. Os animais deverão ser portadores de coleira/peitoral e guiados por trela durante todo o percurso. No caso de se tratar de raças perigosas ou potencialmente perigosas devem estar com açaime devidamente colocado. Todas as pessoas deverão responsabilizar-se pelos seus animais, de forma a evitar conflitos entre os mesmos e devendo apenas estar presentes canídeos que sejam sociáveis”, refere a autarquia.

Os interessados em participar na “Cãominhada’”, mas que não tenham animal de estimação, podem levar um dos animais disponíveis para adoção. Para isso devem contactar o Gabinete de Proteção Animal e Veterinária através do endereço eletrónico [email protected].

No âmbito desta estratégia, no primeiro semestre deste ano, o Gabinete de Proteção Animal e Veterinária (GPAV) da Câmara Municipal de Esposende, em associação com o Centro de Recolha Oficial Alto Minho e com o apoio da Associação Animal de Esposende (ANIESP), já promoveu um total de 70 adoções.

No âmbito do protocolo CED (Capturar/Esterilizar/Devolver) foram intervencionados 40 animais, medida que tem como objetivo controlar a população felina, sem dono, silvestre ou assilvestrado.

No que concerne à prestação de cuidados médico-veterinários de animais errantes feridos e atropelados, até agosto de 2023, os Bombeiros Voluntários de Fão, através do protocolo “SOS Animal’”, efetuaram já um total de 36 transportes.

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES