Quarta-feira, Junho 19, 2024
17.3 C
Braga
EducaçãoEsposende promove projeto de apoio psicoeducativo às escolas

Esposende promove projeto de apoio psicoeducativo às escolas

© CM Esposende

O Projeto Literacia no Cávado, implementado nas escolas do Município de Esposende no ano letivo 2022/2023, consistiu num projeto de promoção do sucesso escolar orientado para a aquisição das aprendizagens escolares e para o bem-estar das crianças e alunos envolvidos nas atividades, contribuindo para o reforço da qualidade do sistema de educação.

No ano letivo 2022/2023, os programas e apoios na área de Psicologia envolveram 387 crianças da Educação Pré-Escolar e 1596 alunos do 1.º CEB e Ensino Secundário. Foram, ainda, desenvolvidas ações de articulação/acompanhamento junto de 76 famílias e realizadas 15 ações de capacitação de agentes educativos.

O projeto de promoção do sucesso escolar desenvolveu-se por via de uma abordagem multidisciplinar, combinando recursos e medidas de promoção dos diferentes níveis de literacia das crianças e alunos/as da educação pré-escolar, ensino básico e secundário, como estratégia complementar à ação educativa das escolas. A intervenção traduziu-se no trabalho colaborativo entre a equipa multidisciplinar, constituída por profissionais de Psicologia e de Informática, para garantir o apoio e acompanhamento psicossocial e psicoeducativo, combinando a intervenção individual e universal, através do desenvolvimento de programas de promoção de competências de literacia digital, comunicacional, socio emocional, pessoal e comportamental.

Na Educação Pré-Escolar e no 1.º Ciclo do Ensino Básico das escolas do Município foi implementado o Programa de Gestão Sócio-emocional que tem como objetivo a melhoria das competências socio emocionais das crianças e alunos e contribuir para o seu sucesso escolar, assim como a prevenção de problemas comportamentais e emocionais. Através do desenvolvimento do Programa de Competências de Aprendizagem promoveu-se a aquisição de estratégias internas para a melhoria do desempenho escolar dos alunos do 1.º e 2.º anos de escolaridade. O Programa de Aquisição de Hábitos e Métodos de Estudo destinou-se aos alunos do 3.º e 4.º anos de escolaridade e teve como objetivos a promoção de uma maior motivação para o estudo, uma atitude mais ativa e responsável no processo de estudo, e a melhoria de organização do tempo e local de estudo.

Esta equipa multidisciplinar dedicou-se, ainda, à avaliação e acompanhamento individual de crianças e alunos que revelaram dificuldades de aprendizagem associadas a questões de risco social ou dificuldades de foro educacional, em articulação com as suas famílias, no âmbito da promoção de estratégias de gestão e regulação socioemocional, capacitação para o uso de ferramentas de suporte ao sucesso escolar, estimulação de competências internas que apoiem a melhoria da qualidade das aprendizagens escolares.

Na área de capacitação digital foram implementados recursos educativos digitais para a utilização em contexto educativo (sala de aula) e familiar, como estratégia de mitigação das desigualdades no acesso ao digital. Esses recursos visaram contribuir para a aquisição e consolidação de aprendizagens nos/as alunos do 1º CEB, nas áreas de literacia financeira, através do Projeto No Poupar Está o Ganho, tendo sido explorados temas como a poupança, a gestão e a importância do dinheiro e do consumo responsável.

O Projeto Ensinar e Aprender Português teve por objetivo apoiar e recuperar as aprendizagens do Português, pelo acesso a um recurso educativo estruturado e inovador, tendo por base o uso das tecnologias de informação e de comunicação, para o ensino/aprendizagem da leitura e escrita, potenciando o trabalho com alunos/as que apresentavam maiores dificuldades nesta área.

Já o Projeto Hypatiamat foi implementado no 1.º CEB, como resposta à preocupação crescente da comunidade educativa quanto ao desempenho escolar na área curricular de Matemática. O Hypatiamat é uma ferramenta digital, com aplicações hipermédia focadas nos conteúdos de Matemática, sendo a estratégia pedagógica da aplicação desenhada com o objetivo de despertar nos alunos o gosto pela Matemática e uma melhor compreensão dos seus fundamentos. Nestas áreas foram intervencionados/as 1.366 alunos/as e 77 docentes do 1.º CEB de ambos os Agrupamentos de Escolas.

As metodologias de intervenção do Projeto integraram as atividades de enriquecimento, capacitação parental, consultoria e intervenção, intervenção individual ou em pequeno grupo e turma, ações em regime de coadjuvação e colaboração com outros projetos das escolas. De referir que, em Esposende, tem sido reconhecida a importância do bom ambiente de trabalho colaborativo com as diversas estruturas e órgãos das escolas, facilitando a intervenção do Projeto, através do qual se potenciaram e ampliaram oportunidades de aprendizagens para os alunos, com recurso aos ambientes criados no âmbito da ciência e tecnologia como meio de aprendizagem, e pelo desenvolvimento socioemocional e criativo, contribuindo para a inclusão social e para a promoção do sucesso educativo.  

O Projeto Literacia no Cávado enquadra-se nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030, da Organização das Nações Unidas, referentes à Erradicação da Pobreza, Educação de Qualidade, Igualdade de Género, Redução das Desigualdades, Cidades e Comunidades Sustentáveis e Parcerias para a Implementação dos Objetivos, e nos Princípios subjacentes ao Perfil dos Alunos para o Século XXI, designadamente Um perfil de Base Humanista, a Inclusão como Requisito de Educação, o Desenvolvimento Sustentável e a Valorização do Saber.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES