Terça-feira, Julho 16, 2024
25.6 C
Braga
RegiãoEsposendeDocumentação histórica da Santa Casa da Misericórdia de Esposende depositada no Arquivo...

Documentação histórica da Santa Casa da Misericórdia de Esposende depositada no Arquivo Municipal

© CM Esposende

A documentação do arquivo histórico da Santa Casa da Misericórdia de Esposende será depositada no Arquivo Municipal, no âmbito do projeto “Preservação dos Arquivos Locais de Esposende” que tem como objetivo salvaguardar a memória social e coletiva.

A cedência foi formalizada com a assinatura do contrato de depósito, pelo presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira e pela provedora da Santa Casa da Misericórdia de Esposende, Emília Vilarinho.

Com a preservação dos arquivos históricos, a autarquia pretende construir instrumentos de promoção do conhecimento e de acesso à documentação, através de um repositório de informação para a historiografia local, transmitindo memórias e valorizando a identidade.

Benjamim Pereira relembrou ser esta uma antiga aspiração local, agora concretizada pelo facto de o Arquivo Municipal ter sido instalado em novo espaço. “O Município não tinha condições para fazer o tratamento dos documentos que acolhia, quanto mais dos das instituições. Agora temos as competências técnicas e o espaço adequados”, disse o autarca.

Consciente da importância que estes documentos representam para a história local e nacional, Benjamim Pereira manifestou a vontade de “alargar este projeto a outras instituições para que possa ser realizado o trabalho de preservação, estudo e divulgação”.

Emília Vilarinho destacou a importância deste ato “pela hipótese de estudo que representa. Temos um acervo relevante, sendo o primeiro documento datado de 1587, mas, no total de 1027 documentos, destaco a diversidade das áreas abarcadas e que representam a ampla intervenção da Misericórdia, do social ao religioso, sendo campo profícuo para o estudo e conhecimento da nossa História”.

Marília Capitão, coordenadora do Arquivo Municipal de Esposende, destacou a importância do acervo, com documentos que datam desde o século XVI até ao século XXI e que deverá estar disponível no Portal do Arquivo.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES