Quarta-feira, Setembro 22, 2021
22.4 C
Braga
InícioBragaBraga: Eduardo Fernandes candidata-se à UF de Lomar e Arcos pelo Partido...

Braga: Eduardo Fernandes candidata-se à UF de Lomar e Arcos pelo Partido Socialista

© Eduardo Fernandes

Eduardo Fernandes é o candidato do Partido Socialista à União de Freguesias de Lomar e Arcos, em Braga.

“São os mais novos e os mais velhos que residem em Lomar e em Arcos São Paio” que “preocupam particularmente” Eduardo Fernandes e o motivam à candidatura desta união, que aceitou em nome do Partido Socialista”.

O socialista tem 58 anos, é casado, pai de dois filhos e avô de dois netos, foi criado e é residente em Lomar. Técnico comercial de refrigeração e climatização repete a sua candidatura, precisamente porque “a realidade piorou, particularmente nas áreas de âmbito social”.

“Estamos mal servidos no que toca a apoio às famílias, os pais mais jovens não encontram onde deixar os filhos enquanto vão trabalhar, não há creche que responda às necessidades. Além disso, é urgente intervir no parque escolar e promover a sua renovação, dar-lhe dignidade”, justifica o candidato, acrescentando que “também os mais velhos continuam mal servidos, designadamente no que toca a centro de dia e lar residencial”.

“Tenho a convicção de que, com a equipa de cidadãos que me acompanha, somos capazes de fazer mais e de fazer melhor, muito concretamente nestas áreas, em que é preciso envolver o Município de Braga. Está provado de que o poder atual não o está a conseguir. É preciso investir na ação social, é preciso criar condições para um envelhecimento ativo, é preciso dar particular atenção às questões da educação”, reforçou o candidato.

Eduardo Fernandes, que nos últimos quatros anos liderou a oposição na sua Assembleia de Freguesia, não esquece “muitas outras áreas em que Lomar e Arcos São Paio estão a ficar para trás, como o caso da mobilidade, das questões ambientais e, por exemplo, da falta de um parque de lazer e convívio e da degradação dos poucos espaços de lazer e recreio”.

Também os jovens são “preocupação” para o candidato socialista, concretamente “a falta de estruturas para desenvolverem as suas atividades culturais e recreativas”. “É notória, aliás, a falta de sensibilidade do atual Executivo para a promoção de atividades para os mais novos. Além disso, não podem ser sempre os grupos de natureza religiosa a promover as poucas atividades e convívios, isso é uma obrigação da Junta de Freguesia”, sublinha Eduardo Fernandes.

Repetindo que tem consigo “um ótimo grupo de trabalho”, o candidato lembra também o seu “conhecimento das necessidades destas duas freguesias”, até porque, além de ali residir “desde sempre”, é membro da Assembleia de Freguesia desde 2013, no caso de Lomar, e “sócio ativo” das associações e clubes das duas freguesias.

“Aqui nasci e aqui residi toda a minha vida. Quero, naturalmente, o melhor para a minha terra. Foi aqui que formei família e é aqui que vive grande parte dos meus familiares e amigos; sei que serei um bom presidente de Junta”, refere.

Eduardo Fernandes finaliza que “esta união de freguesias precisa de um novo rumo, de nova ambição. Não podemos ficar apenas à espera do que a Câmara Municipal decide. Temos de exercer a nossa magistratura de influência e mostrar que temos necessidades a precisar de ser resolvidas urgentemente. É isto que faremos”.

As Eleições Autárquicas realizam-se a 26 de setembro.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS