Braga: Condutores desrespeitam sinal de trânsito na Rua da Praça do Comércio
Quinta-feira , Outubro 22 2020 Periodicidade Diária nº 2612
Principal / Notícias / Braga: Condutores desrespeitam sinal de trânsito na Rua da Praça do Comércio

Braga: Condutores desrespeitam sinal de trânsito na Rua da Praça do Comércio

DR

Desde o arranque das obras de requalificação do Mercado Municipal de Braga, foi colocado o sinal de sentido obrigatório para a esquerda, na Rua da Praça do Comércio, em direção à Praça Conde de Agrolongo, contudo os condutores não respeitam esta sinalização e viram à direita.

A Plataforma Amigos da Freguesia de São Vicente alerta os condutores para que respeitem a sinalização, uma vez que a grande maioria das pessoas vira à direita, em direção à Rua do Ferraz, colocando em perigo os peões que atravessam a passadeira, assim como as viaturas que sobem pela mesma rua, em direção ao Mercado Municipal de Braga

A plataforma veio relembrar que há alguns meses faleceu uma pessoa que atravessava a passadeira nesta rua.

José Macedo, responsável da Plataforma Amigos da Freguesia de São Vicente, contou que já fez o apelo nas redes sociais e apela à sensibilização dos condutores para que não continuem a transgredir o Código da Estrada pela segurança de todos.

“Esta situação já foi reportada pela plataforma para que a mensagem chegue a um grande número de utilizadores desta via. Acontece que mais de 70% dos automobilistas não respeitam o sinal que está colocado. Os condutores que descem a Rua da Praça do Comércio entram em transgressão, ao virar à direita e logo à esquerda para a Rua do Ferraz. A Rua do Ferraz é uma rua bastante estreita, sem passeios suficientes para uma cadeira de rodas ou um carrinho de bebé, sendo também uma via com pouca visibilidade devido à sua largura estreita”, afirma José Macedo.

O responsável acrescenta que “um automobilista que entre em transgressão, não consegue ter visibilidade suficiente para auferir se vem alguma viatura em sentido contrário. Este cruzamento de vias, é, neste momento, uma armadilha instalada por culpa dos automobilistas que não respeitam a respetiva sinalização. Por vezes a Polícia está no local a autuar quem ocorre em transgressão, mas não é o suficiente. Apelamos a todos os automobilistas que respeitem a sinalização”, apelou.