Domingo, Setembro 25, 2022
13.9 C
Braga
InícioRegiãoBarcelosAntónio Novo vence Barcelos Florido 2022

António Novo vence Barcelos Florido 2022

© CM Barcelos

António Manuel Faria Ribeiro Novo, morador no Largo da Igreja, em Barcelinhos, é o grande vencedor do concurso Barcelos Florido edição 2022. Na segunda posição, ficou Maria da Conceição Faria Durães Silva, também do Largo da Igreja, Barcelinhos, enquanto Alzira Alves Costa, da Rua Miguel Bombarda, Barcelos, conquistou o terceiro lugar.

Na edição deste ano, deste popular concurso, e que decorreu entre 15 abril e 15 de julho, participaram 35 concorrentes, sendo que os primeiros 20 classificados têm todos direito a prémios pecuniários. Desta forma, o concorrente que obteve o primeiro lugar ganhou 500 euros, o segundo da tabela arrecadou 400 e o terceiro posto teve direito a 300 euros. Todos os outros concorrentes que conseguiram ficar nos 20 primeiros também têm direito a prémio, cujo valor vai decrescendo, conforme o lugar que têm na tabela.

Além dos prémios individuais, foram também atribuídos prémios coletivos. Assim, o prémio de melhor rua foi para a Rua Miguel Bombarda, Barcelos, e do de melhor largo para o Largo da Igreja, Barcelinhos, que tiveram direito a 350 euros cada.

Recorde-se que o concurso Barcelos Florido já leva 18 edições e é uma iniciativa do Município de Barcelos, promovida através do pelouro do Turismo. O objetivo deste concurso é contribuir para a atratividade turística à cidade de Barcelos e freguesias de Barcelinhos e Arcozelo, potenciando o embelezamento e decoração das janelas e varandas com flores naturais.

O evento é um dos concursos mais antigos na região e tem potenciado o envolvimento da comunidade na valorização das ruas, recantos e praças destes espaços urbanos, nomeadamente nas áreas de menor frequência turística, promovendo a sua dinamização e atratividade, e este ano a área foi alargada à freguesia de Arcozelo.

Este evento tem enriquecido a qualidade da experiência turística de quem passa por Barcelos, valorizando a qualidade da imagem da cidade, com ganhos para o seu posicionamento turístico na região.

Para efeitos de avaliação, o júri teve em atenção a riqueza e harmonia do conjunto floral atendendo à utilização de plantas exteriores, sendo excluídas as plantas exóticas e de interior, bem como flores artificiais; harmonia com a fachada do edifício; variedade das flores apresentadas; diversidade das cores das flores; criatividade e originalidade da composição cénica do conjunto; estado de conservação (fitossanitário) das flores; uso de artefactos de cariz típico relacionado com a nossa identidade, cultura e tradição; regularidade das varandas floridas ao longo do ano; adequação da composição ao exposto no artigo 13.º, quando aplicável; inovação face às composições apresentadas no ano anterior.

Podem participar, neste concurso, todos os residentes e proprietários das casas comerciais, a título individual e pessoas a título coletivo (condomínios e outros) das áreas elegíveis no concurso. Todavia, não são admitidas montras e/ou entradas comerciais, aceitando-se em exclusivo varandas, sacadas e janelas.

Classificação final do concurso Barcelos Florido

  • 1º lugar: António Manuel Faria Ribeiro Novo – Largo da Igreja, Barcelinhos
  • 2º lugar:  Maria da Conceição Faria Durães Silva – Largo da Igreja, Barcelinhos
  • 3º lugar: Alzira Alves Costa – Rua Miguel Bombarda, Barcelos
  • 4º lugar: Cooperativa Agrícola de Barcelos – Rua Fernando Magalhães, Barcelos
  • 5º lugar: Maria Natércia Pacheco – Rua Miguel Bombarda
  • 6º lugar: José Carlos Rodrigues Loureiro – Avenida Paulo Felisberto, Arcozelo
  • 7º lugar: Sandra Elisabete Fernandes Longras (Casa Dourada) – Rua do Poço, Barcelos
  • 8º lugar:  Paula Maria Pereira Perestrelo – Rua Brito Limpo, Barcelinhos
  • 9º lugar: Maria Emília Vilas Boas da Silva – Rua Miguel Bombarda, Barcelos
  • 10º lugar: Maria Ricardina Garrido Mateus  – Largo da Igreja, Barcelinhos
  • 11º lugar: João Boaventura Simões Negrão – Praça de Pontevedra, Barcelos
  • 12º lugar: Maria da Conceição Amaral Durães Rodrigues – Travessa do Moutilhão, Barcelinhos
  • 13º lugar: João Miguel Miranda Fernandes Sá – Avenida da Liberdade, Barcelos  
  • 14º lugar: Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes – Avenida João Duarte, Arcozelo
  • 15º lugar:  Lar Nossa Senhora da Misericórdia – Rua Dr. Santos Júnior, Barcelos
  • 16º lugar:  Maria Alice Machado Gonçalves – Largo Marechal Gomes da Costa, Arcozelo
  • 17º lugar: Lar da Misericórdia – Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, Barcelos
  • 18º lugar: Maria Rosa Monteiro da Costa – Rua Silva Vieira, Barcelos
  • 19º lugar: Hotel Lar Condes de Barcelos – Rua Arq. Borges Vinagre, Barcelos
  • 20º lugar: Maria Cândida da Torre Esteves Coutinho – Rua Elias Garcia, Arcozelo
  • MELHOR RUA – Rua Miguel Bombarda, Barcelos
  • MELHOR LARGO – Largo da Igreja, Barcelinhos

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS