Sexta-feira, Agosto 12, 2022
17.8 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesUniversidade do Minho recebeu visita da Proef e da DSTelecom

Universidade do Minho recebeu visita da Proef e da DSTelecom

© UMinho

A Universidade do Minho acolheu uma comitiva das empresas Proef e DSTelecom, com vista à avaliação de possíveis parcerias no âmbito de projetos estratégicos com elevado interesse para o desenvolvimento da região e do país.

Liderada pelo CEO da Proef, Luís Andrade, e pelo responsável da inovação da DSTelecom, João Faria, a comitiva foi recebida no campus de Azurém, em Guimarães, pelo pró-reitor da UMinho para a Avaliação Institucional e Projetos Especiais, Guilherme Pereira.

Do lado da academia minhota estiveram ainda presentes os professores Alexandre Santos, Henrique Santos, Adriano Moreira, José António Oliveira, Elisabete Sá e Paulo Afonso, que apresentaram projetos em curso relacionados com o desenvolvimento de redes de telecomunicação sustentáveis, neutral hosting, sistemas de monitorização de redes de telecomunicações, energia e mobilidade, modelos de negócio sustentáveis na área do 5G, conceção e otimização de redes FTTx, cidades inteligentes e Internet of Things. O programa incluiu ainda uma visita ao Laboratório Secure IoT e ao Pólo de Inovação em Engenharia de Polímeros.

Com 37 anos de experiência, a Proef desenvolve soluções integradas para as áreas da Energia, Telecomunicações, Cidades e Corporate. Está presente em 12 países, conta com 1500 colaboradores espalhados pelo mundo e tem um volume de negócios de 160 milhões de euros. Já a DSTelecom é um operador grossista de telecomunicações responsável pela construção e gestão da primeira e maior rede de fibra ótica FTTH (fiber to the home) multioperador da Europa. Foi criada em 2008 e faz parte do grupo DST.

No âmbito do Instituto de Ciência e Inovação para a Bio-Sustentabilidade e em parceria com estas empresas, a Universidade do Minho havia já lançado em 2018 uma cátedra inovadora no ensino e na investigação em redes de telecomunicações sustentáveis para a sociedade digital do futuro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS