Segunda-feira, Agosto 15, 2022
17.3 C
Braga
InícioAtualidadeUniversidade do Minho atribui Prémio de Mérito Científico a Fernando Alexandre e Helena...

Universidade do Minho atribui Prémio de Mérito Científico a Fernando Alexandre e Helena Machado

© UMinho

A Universidade do Minho entregou, na cerimónia do seu 48º aniversário, o Prémio de Mérito Científico 2022 a Helena Machado, investigadora do Instituto de Ciências Sociais, e a Fernando Alexandre, do Núcleo de Investigação de Políticas Económicas (NIPE) e professor da Escola de Economia e Gestão. A distinção é atribuída anualmente a investigadores da UMinho que se destaquem pela sua atividade de excelência.

“Sinto honra e gratidão, porque a UMinho criou-me as condições para eu ter liberdade para escolher os temas de investigação e eu sou devedora dessa liberdade”, disse Helena Machado. Por seu lado, Fernando Alexandre afirmou: “É a validação do meu trabalho pela minha instituição e de toda uma equipa, que motiva e nos dá confiança para prosseguirmos este caminho, dando o melhor de nós”.

A professora catedrática Helena Machado é doutorada em Sociologia, na área de conhecimento de Sociologia e Metodologias Fundamentais e Agregada em Sociologia. Especialista nas dimensões éticas, sociais e políticas de partilha transnacional de dados genéticos e as controvérsias referentes a tecnologias emergentes no domínio da identificação criminal, é (co)autora de mais de 200 trabalhos académicos, livros e capítulos de livros de editoras internacionais e nacionais. Em 2015 foi-lhe atribuída uma Consolidator Grant de 1.8 milhões de euros do Conselho Europeu de Investigação, um dos financiamentos mais competitivos do mundo.

Fernando Alexandre é doutorado pelo Birkbeck College da Universidade de Londres e professor associado com agregação na Escola de Economia e Gestão. Sendo um macroeconomista, também tem profundo trabalho de investigação reconhecido no estudo da economia portuguesa. Ocupa os cargos de vice-presidente do Conselho Económico e Social, consultor da Fundação Francisco Manuel dos Santos e membro do Conselho para a Produtividade. Foi secretário de Estado no XIX Governo Constitucional e é consultor da Comissão Europeia e do Governo português, entre outras entidades. É ainda autor ou coordenador de oito livros sobre a economia portuguesa e de artigos em revistas científicas internacionais de referência. 

Quinze cientistas distinguidos

O Prémio de Mérito Científico já foi atribuído a 15 investigadores da Universidade do Minho. Lançado em 2009, destacou desde então Nuno Peres (Escola de Ciências), Rui L. Reis (Escola de Engenharia, hoje no I3B’s), Carlos Mendes de Sousa (Instituto de Letras e Ciências Humanas), Odd Rune Straume (Escola de Economia e Gestão), Nuno Sousa (Escola de Medicina), Armando Machado (Escola de Psicologia), José António Teixeira (Escola de Engenharia), Moisés de Lemos Martins (Instituto de Ciências Sociais), Paulo Lourenço (Escola de Engenharia), José González-Méijome (Escola de Ciências) e Leandro Almeida (Instituto da Educação), Patrícia Jerónimo (Escola de Direito), António Vicente (Escola de Ciências), além de Helena Machado e Fernando Alexandre.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS