Covid-19: Concelhos em risco extremo no distrito de Braga sobem para 4
Domingo , Janeiro 24 2021 Periodicidade Diária nº 2706
Principal / Região / Covid-19: Concelhos em risco extremo no distrito de Braga sobem para 4

Covid-19: Concelhos em risco extremo no distrito de Braga sobem para 4

Visite Esposende

O número de concelhos em risco extremo de contágio da Covid-19 no distrito de Braga subiu para 4. A Esposende e a Barcelos juntam-se os concelhos de Póvoa de Lanhoso e Vila Verde, que apresentam uma taxa de incidência acima dos 960.

Os dados divulgados hoje no boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde são referentes ao período entre 23 de dezembro e 5 de janeiro.

Recorde-se que a Direção-Geral da Saúde divide os concelhos em sete níveis de incidência, consoante o número de casos de Covid-19 e o risco de contágio que representam, nomeadamente abaixo de 20,0; entre 20,0 e 59,9; entre 60,0 e 119,9; entre 120,0 e 239,9; entre 240,0 e 479,9; entre 480 e 959,9 e acima de 960.

Vila Verde foi o concelho que registou a maior subida de infetados, registando 335 novos casos de Covid-19 em duas semanas.

Também Fafe, Celorico de Basto, Vizela e Cabeceiras de Basto aumentaram de nível de incidência, passando para risco muito elevado de contágio.

Casos de Covid-19 por 100 mil habitantes no distrito de Braga

No nível mais elevado está o concelho de Esposende com 1.270 casos, seguido de Barcelos com 1.082 casos, Póvoa de Lanhoso (1.000) e Vila Verde (998).

No nível abaixo, com a incidência entre 480 e 959,9, estão Guimarães (863), Terras de Bouro (849), Vieira do Minho (828), Vila Nova de Famalicão (809), Braga (750), Amares (673), Fafe (605), Celorico de Basto (593), Cabeceiras de Basto (518) e Vizela (506).