Sexta-feira, Janeiro 27, 2023
12 C
Braga
InícioAtualidadeRafael Pinto reeleito presidente da Distrital de Braga do PAN

Rafael Pinto reeleito presidente da Distrital de Braga do PAN

© PAN Braga

Rafael Pinto foi reeleito presidente da Distrital de Braga do PAN. O sufrágio, que acontece a cada dois anos, decorreu na última semana do ano e contou com uma lista única concorrente sobre o slogan “Por um Distrito Verde e Progressista”.

Entre os membros da lista encontram-se Rafael Pinto, porta-voz reeleito, Sandra Pimenta, porta-voz da Concelhia de Vila Nova de Famalicão, e Tiago Teixeira, deputado municipal em Braga.

“Esta é uma lista de continuidade do trabalho que temos vindo a desenvolver no distrito desde a fundação da distrital. O crescimento do PAN e das nossas causas é notório e apesar de caminharmos apenas para o terceiro mandato da distrital de Braga, já somos uma força política reconhecida localmente”, refere Rafael Pinto.

Em relação ao slogan da lista, Rafael Pinto defende que “reflete a visão do distrito em que queremos viver, assumindo o combate aos problemas ambientais como prioridade, quer seja a despoluição dos nossos rios, melhoria da mobilidade, transição energética, agricultura sustentável e proteção da nossa floresta. Para além disso, continuaremos a marcar a agenda progressista nas causas sociais”.

A Moção de Orientação Política da candidatura foi desenvolvida com a visão em 2030, ano final dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU e aquele que também é considerado o ponto de não retorno nas alterações climáticas.

“Queremos quebrar com velhos paradigmas de que só existe uma forma de fazer política, sempre direcionada para os mesmos setores. Não podemos continuar a deixar de fora questões como os direitos da comunidade LGBTI, a discriminação que ainda existe em relação às pessoas com deficiência, e fazer de conta que existem políticas de bem-estar animal, quando tudo não passa de letra morta num papel. Queremos continuar a trabalhar por um distrito mais empático, e socialmente responsável”, sustenta Sandra Pimenta.

Já Tiago Teixeira afirma que “em 2030, sonho com um distrito que proporciona uma educação de mãos na massa, que dança pela sua cultura, que se reencontra na sua história e no seu património edificado e natural. Que proporciona soluções de habitação para todos/as, que se concentra em encontrar melhores propostas de mobilidade para cada um/a, e que aposta na prevenção de doenças, que seja transparente e eficiente na sua governança e conte com a participação da sociedade civil na tomada de decisões”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS