Sexta-feira, Junho 21, 2024
21.7 C
Braga
BragaPreço das casas estabilizou em Braga

Preço das casas estabilizou em Braga

© BragaHabit

O preço das casas estabilizou em outubro em comparação com o mês anterior. Em Portugal, segundo o índice de preços do idealista, comprar casa tinha um custo de 2.500 euros por metro quadrado (euros/m2) no final do mês de outubro deste ano, tendo em conta o valor mediano.

Os preços das casas em outubro subiram em 9 capitais de distrito, com Guarda (4,3%), Castelo Branco (3,9%), Portalegre (3,4%) e Santarém (1,8%) a liderarem a lista. Seguem-se Bragança (1,7%), Leiria (1,4%), Funchal (1,1%), Lisboa (1%) e Viseu (1%). Já em Beja (0,4%), Aveiro (0,3%) e Braga (0,1%), os preços mantiveram-se estáveis neste período.

Por outro lado, os preços desceram em Vila Real (-3,5%), Setúbal (-1,2%), Évora (-1,1%), Ponta Delgada (-1,1%), Viana do Castelo (-0,9%), Faro (-0,7%), Porto (-0,5%) e Coimbra (-0,5%).

Lisboa continua a ser a cidade onde é mais caro comprar casa: 5.401 euros/m2. Porto (3.392 euros/m2) e Funchal (3.105 euros/m2) ocupam o segundo e terceiro lugares, respetivamente. Seguem-se Faro (2.918 euros/m2), Aveiro (2.411 euros/m2), Setúbal (2.265 euros/m2), Évora (2.003 euros/m2), Coimbra (1.827 euros/m2), Viana do Castelo (1.805 euros/m2), Braga (1.748 euros/m2), Ponta Delgada (1.747 euros/m2), Viseu (1.388 euros/m2) e Leiria (1.353 euros/m2). Já as cidades mais económicas são Portalegre (747 euros/m2), Guarda (830 euros/m2), Castelo Branco (844 euros/m2), Beja (941 euros/m2), Bragança (952 euros/m2), Santarém (1.172 euros/m2) e Vila Real (1.183 euros/m2).

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES