Segunda-feira, Abril 22, 2024
14.9 C
Braga
RegiãoPóvoa de LanhosoPóvoa de Lanhoso é finalista do Prémio “Capitais Europeias de Inclusão e...

Póvoa de Lanhoso é finalista do Prémio “Capitais Europeias de Inclusão e Diversidade”

Os vencedores serão anunciados no dia 25 de abril, em Bruxelas.

© CM Póvoa de Lanhoso

De entre cerca de 70 candidaturas apresentadas por 13 países da União Europeia, a Póvoa de Lanhoso é uma das 15 finalistas do Prémio Capitais Europeias da Inclusão e da Diversidade.

Os países ou regiões candidatos apresentaram as suas políticas, planos e iniciativas para promover a diversidade e a inclusão nas suas comunidades.

Os 15 finalistas são oriundos da Croácia, Itália, Grécia, Polônia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Portugal.

Os candidatos pré-selecionados serão ainda submetidos a outra avaliação para conquistar os prêmios Ouro, Prata e Bronze em três categorias, designadamente: “Autarquias locais com mais de 50.000 habitantes”, “Autarquias locais com menos de 50.000 habitantes”, e “As autoridades locais permitem vilas, cidades e regiões seguras para as mulheres em toda a sua diversidade, combatendo a violência contra as mulheres”.

A propósito deste prémio, a Comissária Europeia para a Igualdade, Helena Dalli, afirmou que o objetivo é “reconhecer e dar visibilidade ao trabalho das autoridades locais que criam espaços seguros e inclusivos para garantir a pertença e a participação de todos e, em última análise, reforçar o compromisso de que os objetivos e benefícios da união e da igualdade devem chegar a todas as pessoas, quer a nível local quer a nível mundial, onde vivem, trabalham e desfrutam dos seus tempos de lazer”.

Este concurso abrange iniciativas que promovem a diversidade e a inclusão em termos de sexo, origem racial ou étnica, religião ou crença, deficiência, idade e igualdade LGBTIQ, bem como a interseccionalidade.

Os vencedores serão anunciados pela Comissária para a Igualdade, Helena Dalli, no dia 25 de abril, em Bruxelas. Este evento marca também a abertura do programa do Mês Europeu da Diversidade de 2024, que se realiza em maio.

O prémio reconhece o trabalho realizado pelas cidades, vilas ou regiões da União Europeia para promover a inclusão e criar sociedades livres de discriminação e pretende também ser um exemplo inspirador para outros países.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES