Domingo, Setembro 26, 2021
16.2 C
Braga
InícioPaís"O vírus da Covid-19 chegou para viver entre nós", diz Henrique Barros.

“O vírus da Covid-19 chegou para viver entre nós”, diz Henrique Barros.

DR

Henrique Barros, do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, juntou-se por videoconferência à reunião do Infarmed para falar sobre “Da epidemia à endemia. Da infeção aguda às consequências crónicas”. Na sua intervenção, afirmou que o vírus da Covid-19 chegou “para viver entre nós”.

“O vírus chegou para viver entre nós. É isso que quer dizer endemia. Do ponto de vista social, o medo de ser infetado pela Covid-19 e outros indicadores humanos baixaram significativamente ao longo dos últimos meses, o que indica que a população portuguesa está a aprender a viver com o vírus”, disse Henrique Barros.

“Muita coisa mudou ao longo do tempo na nossa perceção da doença. Podemos agora olhar para a doença, que emergiu há cerca de um ano e meio, e pensar se, de uma fase de evidente epidemia e pandemia, estaremos ou não a entrar num momento de endemia”, questionou.

Henrique Barros apontou que a probabilidade de morrer com Covid-19 “está hoje muito mais baixa do que estava no início da pandemia”, reforçando que “a diferença é mais impressiva nas pessoas mais idosas. Enquanto a probabilidade de morrer chegou a ser de 1 em cada 5 pessoas infetadas, esta probabilidade é agora de 1 em cada 20 pessoas infetadas”.

É, por isso, que “a infeção circula muito menos, a carga de infeção é muito mais baixa, mas temos de estar atentos à natureza cíclica destes fenómenos. Tudo leva a crer que a infeção se tornou endémica, ou pelo menos tornou-se endémica socialmente”, finalizou.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS