Terça-feira, Agosto 9, 2022
27.1 C
Braga
InícioBragaMaestro de Braga vai dirigir várias orquestras internacionais

Maestro de Braga vai dirigir várias orquestras internacionais

© Bruna Curva e Gonçalo Francisco

Depois de ter estado nos Açores a dirigir a Sinfonietta de Ponta Delgada e em Florença a dirigir a Italina Opera Florence Orchestra, Filipe Cunha, maestro de Braga, segue para Espanha este mês a convite da “Málaga Camerata Orquesta” para dirigir dois concertos.

Em agosto viaja para o México a convite da Orquesta Sinfónica del Estado de Puebla para um grande concerto ao qual se junta a solista Aisha Corona (violino). Segue depois para a cidade do México onde vai trabalhar com a Orquestra do Conservatório Superior de Música del Estado de México.

Já em setembro estará na Polónia com para dirigir a “Lutoslawski Chamber Orchestra” no concerto de abertura do Festival de Música “Karol Kurpinski” na cidade de Lomza.

Além destes concertos no estrangeiro o maestro vai apresentar-se este verão com a Orquestra Filarmónica de Braga nas cidades de Braga, Barcelos, Viana do Castelo, Vila do Conde, Vila Praia de Âncora, Lisboa e Coimbra.

Um verão cheio de música com grandes concertos em Portugal e no estrangeiro.

“Perante este cenário só posso estar orgulhoso do trabalho e sinto-me muito motivado. Vai ser um verão muito ocupado e bastante intenso mas estou certo que o trabalho valerá a pena. Serão meses cansativos mas muito gratificantes”, adiantou o maestro.

A respeito do repertório a executar, Filipe Cunha comentou que todos estes concertos terão programas diferentes e muito exigentes. Terá, por isso, muito trabalho de preparação e muito estudo pela frente, não esquecendo a inclusão de uma obra portuguesa em todos eles como faz questão sempre que vai ao estrangeiro dirigir.

“Estes concertos trazem muita responsabilidade por representar a música nacional noutros países, mas são também pontos importantes de valorização pessoal e da carreira artística trazendo notoriedade e dando assim lugar a novos convites, como vem sendo habitual”, concluiu.

Toda a agenda do maestro e da Orquestra Filarmónica de Braga pode ser consultada aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS