Segunda-feira, Junho 24, 2024
20.4 C
Braga
RegiãoGuimarãesGuimarães amplia cemitério de Urgezes com mais 112 sepulturas

Guimarães amplia cemitério de Urgezes com mais 112 sepulturas

© CM Guimarães

Na manhã deste domingo, teve lugar a cerimónia de inauguração da ampliação do Cemitério de Urgezes, uma obra de 240 mil euros, financiada pela Câmara Municipal de Guimarães, que permite aumentar em 112 sepulturas a disponibilidade do espaço.

Domingos Bragança, presidente da Câmara, e Luís Abreu, presidente da Junta de Freguesia, descerraram a placa comemorativa, um momento que foi solenizado pela fanfarra de clarins do agrupamento 322 do CNE de Urgezes.

Antes das intervenções protocolares, houve lugar à bênção do novo espaço do cemitério, efetuada pelo padre Francisco Oliveira, a que se seguiu a interpretação do hino de Guimarães e de Ave Maria de Gounod, um momento musical interpretado por Ana Alexandra, na voz, e João Bastos, no piano.

Domingos Bragança enalteceu o propósito de um espaço que “deve ser de homenagem aos entes queridos que já partiram”, qualificando-o como “um local de quietude, de reflexão e de memórias”, que “deve ter uma dignidade compatível com esse propósito”.

O edil considerou a intervenção “muito bem conseguida e bem integrada no espaço urbanístico”, e referiu que o investimento nas obras de requalificação dos cemitérios do concelho de Guimarães “tem em conta a importância dos mesmos no contexto da vida dos cidadãos, das suas famílias e da saudade que, em momentos de tristeza e de alegria, se vai sentido”.

Luís Abreu agradeceu a Domingos Bragança “todo o apoio para que a obra fosse possível”, e mostrou-se “aliviado” por ter agora “melhores condições para servir a freguesia, numa altura em que o cemitério estava a ficar lotado”.

O autarca agradeceu ao projetista e ao construtor pela construção de um espaço que considera “acessível e agradável”, mas que “teve muitos obstáculos no percurso, como a pandemia, as condições climatéricas, o aumento dos preços e a escassez de mão de obra”.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES