Sexta-feira, Março 1, 2024
7.3 C
Braga
InícioAtualidadeGonçalo Maia Marques recebeu Prémio de História Alberto Sampaio

Gonçalo Maia Marques recebeu Prémio de História Alberto Sampaio

© CM Guimarães

No passado sábado, na Sala de Conferências do Museu de Alberto Sampaio, em Guimarães, teve lugar a cerimónia de entrega do Prémio de História Alberto Sampaio, uma organização dos municípios de Guimarães, Braga e Famalicão, e da Sociedade Martins Sarmento, com a chancela científica da Academia de Ciências de Lisboa. Este ano, o vencedor foi o investigador Gonçalo Maia Marques, Doutor em História pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, com o trabalho “Do vinho de Deus ao vinho dos Homens: o vinho, os mosteiros e o Entre Douro e Minho”.

Adelina Pinto, vereadora da Educação, salientou “a forma apaixonada como o autor apresentou o seu trabalho e destacou o conhecimento que este aporta para entender melhor o papel que Alberto Sampaio teve na cultura portuguesa”. “Deve-se à engenheira Emília Nóvoa o não deixar morrer Alberto Sampaio”, disse, referindo-se ao seu papel como uma das principais impulsionadoras da instituição do Prémio de História.

Para Adelina Pinto, “a cidade de Guimarães orgulha-se de ter instituições como a Sociedade Martins Sarmento e o Museu de Alberto Sampaio, com quem se pode trabalhar em prol do saber”. A vereadora destacou o papel de Guimarães como “cidade educadora” e lembrou o papel da história para que possamos compreender melhor o mundo. “O saber faz de nós melhores pessoas”, concluiu.

“Do vinho de Deus ao vinho dos Homens: o vinho, os mosteiros e o Entre Douro e Minho” procura demonstrar o papel desenvolvido pelas Ordens Religiosas, com um destaque particular para os Beneditinos, mas também Agostinhos e Monges-Cavaleiros de São João do Hospital, na promoção da viticultura e da vinificação no Entre Douro e Minho, desde o final da Idade Media aos séculos de “Antigo Regime”.

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES