Ex-presidente de Gondizalves homenageado com nome em rua na freguesia
Sábado , Outubro 24 2020 Periodicidade Diária nº 2614
Principal / Reportagem / Ex-presidente de Gondizalves homenageado com nome em rua na freguesia

Ex-presidente de Gondizalves homenageado com nome em rua na freguesia

Gondizalves, em Braga, inaugurou uma nova rua com o nome de Francisco Alves, ex-presidente da freguesia, já falecido, onde irá ser construída uma urbanização com seis moradias.

João da Costa, presidente da União de Ferreiros e Gondizalves, atribuiu o nome de Francisco Alves à nova rua como forma de o homenagear o trabalho executado pelo ex-autarca na freguesia.

“Hoje é um dia muito especial para Ferreiros e Gondizalves. É com grande satisfação que a Junta de Freguesia põe o nome de Francisco Alves como topónimo da freguesia de Gondizalves, ele que foi presidente da Junta entre 1968 e 1975, dando o seu melhor em prol dos habitantes”, referiu João Costa.

O autarca recordou as três maiores obras que Francisco Alves executou enquanto presidente da Junta. “Foi ele que instalou a iluminação pública na freguesia e mandou construir a escola de Gondizalves, que é uma referência. Posteriormente mandou construir o lavadouro público para servir a população. Este presidente da Junta deu o seu melhor para que não faltasse nada aos seus habitantes. Por isso, é mais que justo fazer esta homenagem, atribuindo o seu nome nesta nova rua”, realçou.

A professora Conceição Fernandes elaborou uma pesquisa sobre a vida do ex-autarca e confirmou à família todo o trabalho que executou na qualidade de presidente. “Tenho vindo a fazer um trabalho sobre Gondizalves e sobre os presidentes desta Autarquia local. Quando cheguei à assinatura da ata da tomada de posse de Francisco Alves, enquanto presidente a 2 de janeiro de 1968, notou-se uma grande diferença, pois ele pedia a construção de uma escola, um lavadouro público, referindo no documento que era para melhor servir as populações”, explicou a professora.

Conceição Fernandes afirmou que a freguesia vivia com muita pobreza e que Francisco Alves convidou o presidente da Câmara Municipal de Braga, António Maria Santos da Cunha, no ano de 1968, para ver a realidade da freguesia.

A União de Ferreiros e Gondizalves propôs à Câmara Municipal de Braga para a atribuição do nome da rua, uma vez que esta é a entidade responsável pela toponímia. O processo da atribuição do nome de Francisco Alves na rua foi aprovado, uma vez que o ex-autarca já faleceu e o seu trabalho enquanto presidente foi reconhecido.

Esta união está a preparar o primeiro livro sobre a história de Gondizalves onde serão incluídas as obras de Francisco Alves. Da autoria de Conceição Fernandes, o livro será oferecido gratuitamente à população.