Domingo, Maio 16, 2021
14.4 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeEsposende vacinou 3.256 pessoas contra a Covid-19

Esposende vacinou 3.256 pessoas contra a Covid-19

DR

Desde que se iniciou, a 22 de fevereiro, o Plano de Vacinação para a Covid-19 no concelho de Esposende, foram vacinadas 3.256 pessoas contra a Covid-19, das quais 1.338 receberam a segunda dose.

Entre os vacinados contam-se 327 utentes e profissionais dos lares, 49 bombeiros, 16 elementos da Cruz Vermelha e 9 guardas da GNR, bem como 588 profissionais educativos (docentes e não docentes), que foram inoculados nos passados dia 17 e 18 de abril, na segunda fase de vacinação do pessoal das escolas.

Nesta fase, encontra-se também em curso a vacinação ao domicílio de todos os idosos que apresentaram dificuldade de deslocação, pela sua condição física ou mental, processo que conta com a colaboração das duas corporações de bombeiros voluntários do concelho (Esposende e Fão) e da Delegação da Cruz Vermelha de Marinhas. Esta operação é realizada por uma equipa composta por um médico e um enfermeiro, apoiada por uma equipa de bombeiros com ambulância de socorro, de forma a assegurar todas as condições de segurança da vacinação no domicílio.

De modo a criar as necessárias condições para a vacinação da população do concelho contra a Covid-19, e tendo em vista o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, nomeadamente no que se refere ao ODS “Saúde de Qualidade”, o Município de Esposende instalou, num pavilhão na Zona Industrial de Bouro – Gandra, um Centro de Vacinação, medida que, até ao momento, corresponde a um investimento total de cerca de 40.000 euros, sendo que a autarquia cedeu um conjunto de recursos humanos para apoio na organização e gestão diária deste equipamento.

O Centro de Vacinação é composto por uma área de receção, um espaço para atendimento médico e zonas de vacinação. Inclui, ainda, zona de recobro e zona de emergência (apetrechada com os necessários equipamentos de suporte avançado de vida e socorro), espaço administrativo e área de descanso para os profissionais de saúde e restante pessoal de apoio (composta por cozinha, WC e vestiários). Esta operação compreende, ainda serviços, permanentes de vigilância e desinfeção, bem como uma equipa de socorro para eventual necessidade de evacuação para unidade hospitalar.

De forma a dar a resposta adequada à próxima fase deste processo, foi efetuado um reajuste do Centro de Vacinação, nomeadamente o aumento do número de boxes de vacinação para um total de 5, a adequação dos gabinetes médicos na zona de entrada para maior resguardo e privacidade das pessoas, bem como de uma das boxes de vacinação para uma área mais apropriada, da sala de preparação de vacinas de forma a permitir maior espaço de trabalho e maior segurança, e adequação da zona administrativa.

Nesta próxima fase, está prevista a vacinação de cerca de 24.000 pessoas, a que acrescem as segundas doses das pessoas já vacinadas, esperando-se um fluxo de cerca de 1500 pessoas por semana.

Benjamim Pereira, presidente da Câmara Municipal de Esposende, refere que “Esposende é um dos concelhos com maior índice de vacinação, facto que nos apraz realçar, o que denota que está a ser desenvolvido um bom trabalho por parte das autoridades de saúde, e demais parceiros envolvidos neste processo”. O autarca frisa que “desde o início da pandemia, o Município não tem poupado esforços para combater e controlar a doença, com vista a garantir o bem-estar e saúde da população, canalizando um conjunto de recursos e meios financeiros para esta causa”.

“Não obstante a situação sanitária estar a começar a ficar mais controlada, todos os cuidados são poucos, pelo que, mais uma vez, apelo ao cuidado e sentido de responsabilidade de todos, para que, em breve, possamos retomar a normalidade das nossas vidas”, refere o edil, notando que “a vacina ajuda, mas, por si, não basta”.

Apoie o jornalismo.

A Braga TV é um canal de informação independente. Todas as notícias e conteúdos são e continuarão a ser disponibilizados gratuitamente.

Para continuar a oferecer um serviço de informação de referência na região, precisamos do apoio dos nossos leitores para continuar a desempenhar o nosso papel de informar.

Precisamos do seu contributo, caro leitor.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS