Sexta-feira, Janeiro 27, 2023
3.9 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeCoro Ars Vocalis dá concerto de Ano Novo em Esposende

Coro Ars Vocalis dá concerto de Ano Novo em Esposende

© CM Esposende

O Município de Esposende vai promover, no próximo sábado, dia 14 de janeiro, às 21:30, no Auditório do Centro Paroquial de Palmeira de Faro, um “Concerto de Ano Novo”, pelo Coro Ars Vocalis.

Sob a direção musical de Helena Venda Lima, o Coro Ars Vocalis, acompanhado por Carlos Pinto da Costa (violino), André Silva (percussão), Jaime Alvarez (contrabaixo e baixo elétrico) e Diogo Zão (piano), apresenta uma proposta musical que integra arranjos corais de canções portuguesas de sempre e para sempre, de autores como Rui Veloso, Paulo de Carvalho, Fernando Tordo, Carlos Paião, assim como outros temas universais, como “What a Wonderful World”, “Imagine”, ou o famoso “Hallelujah”, de Leonard Cohen, prometendo contagiar o público.

Através da coprodução da Escola de Música de Esposende, este será o primeiro de uma série de concertos que o Coro Ars Vocalis realizará ao longo deste ano, destacando-se as participações na programação cultural da Semana Santa, 25 de Abril, verão e Natal.

O Coro Ars Vocalis nasce no seio da Escola de Música de Esposende e do seu projeto educativo, em 2009, e tem como base o trabalho realizado durante cinco anos com alunos da Escola Básica de Forjães, no âmbito do ensino articulado de música. Trabalhando em formação de coro júnior, pretende desenvolver o conceito na prática coral portuguesa com a perspetiva de escola e formação. O coro é constituído por cantores dos 15 aos 23 anos de idade, todos do concelho de Esposende. Do seu percurso, destaca-se a participação no prestigiado Festival Internacional de Música de Cantonigrós (Vic – Catalunha), em 2013, representando Portugal na categoria de coros infantis, as masterclasses com as diretoras corais Jo Mcnally, da Associação Britânica de Diretores Corais (2016) e Magna Ferreira (2021). Em parceria com o Município de Esposende, o Coro desenvolveu o projeto “Mare Nostrum – Cantigas & Poemas”, que integra a edição de um livro com um disco com obras que têm o Mar como inspiração. O Ars Vocalis tem encomendado e estreado obras a compositores portugueses de reconhecido mérito, como Telmo Marques e Rui Paulo Teixeira. Deste último, estreou, em 2022, “The Breeze of Peace”, no âmbito dos Concertos Promenade do Coliseu do Porto. Em 2019, lançou o disco “AETERNUM”, em articulação com o Coro de Pequenos Cantores de Esposende, incluindo obras de Alfredo Teixeira, António Pinho Vargas, Helena Venda Lima, Osvaldo Fernandes, Paulo Bastos e Telmo Marques.

O Coro Ars Vocalis representa a continuidade do projeto de formação do Coro de Pequenos Cantores de Esposende. Os dois projetos estão, portanto, intimamente relacionados, numa lógica de sequencialidade etária e formativa. Sob a coordenação artística da Escola de Música de Esposende, o Coro Ars Vocalis é atualmente comissariado e financeiramente apoiado pelo Município de Esposende. A direção coral, desde a sua formação, está a cargo de Helena Venda Lima.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS