Quinta-feira, Agosto 11, 2022
18.9 C
Braga
InícioBragaConcelhias do Chega em Braga não concordam com entrada de Filipe Melo...

Concelhias do Chega em Braga não concordam com entrada de Filipe Melo no grupo parlamentar do partido

© Chega – Distrital de Braga

As concelhias do partido do Chega do distrito de Braga anunciaram que irão “marcar uma posição de total afastamento” perante o presidente da Distrital de Braga e deputado eleito pelo circulo eleitoral de Braga, Filipe Melo, na sequência de alegadas dívidas e casos judiciais que envolvem o líder distrital.

A vice-presidente Eugénia Santos, o secretário José Osório e o tesoureiro Filipe Araújo referiram em comunicado que “estão solidários com as concelhias” e salientaram que o Chega “tem como uma das suas bandeiras o combate aos bandidos e corruptos”.

Em comunicado enviado à Braga TV, o partido sublinha que “não concordarmos com a entrada de Filipe Melo no grupo parlamentar do partido, pois este não representa de todo os princípios e valores pelos quais aderimos a este partido. Esta tomada de posição é motivada por um sentimento de engano, perda de confiança e total desilusão. Relembramos que as concelhias, em conjunto com Filipe Melo, elaboraram uma estratégia para as legislativas de 2022. Estratégia essa que o próprio desvalorizou, não ouvindo nenhuma concelhia, nem mesmo, os membros da distrital para a elaboração da lista e campanha legislativa pelo distrito. Mas relembramos que foram os ideais contra a corrupção, a defesa de mais justiça e sobretudo a diferença que o Partido Chega poderá fazer no panorama político nacional que uniu todas estas pessoas, que agora se sentem completamente enganadas. Há valores e princípios dos quais não abdicaremos e, por isso, aguardamos uma decisão do presidente do Partido, que vá de encontro àquilo que defende desde o dia 9 de abril de 2019″.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS