Quinta-feira, Junho 20, 2024
13.9 C
Braga
BragaCidade de Braga celebra o verão com espetáculos culturais ao ar livre

Cidade de Braga celebra o verão com espetáculos culturais ao ar livre

© Braga Cultura

“Braga é cidade-palco, acolhendo uma enorme diversidade de espetáculos, com uma clara aposta na qualidade, da Praça Municipal até ao Parque da Ponte, toda a cidade está imbuída de cultura.” Foi desta forma que o presidente da Câmara Municipal, Ricardo Rio, apresentou hoje o programa “Ares de Verão”, uma iniciativa cultural que vai transformar a cidade, nos meses de julho e agosto, numa sala de espetáculos ao ar livre.

Concertos, teatro, música, novo circo, dança e folclore são apenas algumas das propostas artísticas que convidam as pessoas a sair de casa e a desfrutar das praças, dos jardins e dos espaços públicos de Braga.

Ao todo, o programa “Ares de Verão” irá chegar a seis espaços públicos da cidade, trazendo cinco festivais, 12 espetáculos de teatro, mais de 30 concertos de música, mais de 35 atuações de música e dança popular e tradicional, DJs, animação de rua, jogos e mercado cultural.

“Temos uma abordagem muito eclética das dinâmicas culturais da cidade quer em termos de diversidade iniciativas e das expressões artísticas, quer em termos da cobertura espacial das iniciativas, que vai de encontro ao nosso objetivo de levar a cultura a todos e a todos os lugares e é isso que fazemos com estes Ares de Verão”, explicou Ricardo Rio.

Para o autarca, “os Ares de Verão são um conjunto vastíssimo de projetos, alguns deles já históricos da cidade de Braga, como o Mimarte e o Festival Internacional de Folclore, outros mais recentes, como é o caso dos Sons do Noroeste, que vêm desde a Capital da Cultura do Eixo Atlântico”. “Outros são uma extensão de um projeto de grande sucesso que foi trazer os Blues para a primeira linha da dinâmica cultural de Braga e outros ainda que este ano surgem rebaptizados, como é o caso do Festival de Música ESTEOESTE que é um espaço de afirmação para os músicos bracarenses”, acrescentou o edil.

O programa cultural arranca já no dia 1 de julho com um concerto da Orquestra Filarmónica de Braga, na Praça Municipal.

No dia 2, tem início no mesmo espaço, o Festival de Teatro de Braga – Mimarte, que este ano traz seis espetáculos nacionais e dois internacionais, de França e Espanha. A acessibilidade e inclusão são uma aposta com Língua Gestual Portuguesa em várias peças. Da comédia ao género biográfico, passando pelo cruzamento com outras disciplinas artísticas, este festival conta, ainda, com um espetáculo para os mais novos no Museu dos Biscainhos.

A banda luso-brasileira do Trio Pagú dá um concerto na noite do dia 9 de julho, pelas 22:00, na Praça Municipal, apresentando o seu novo trabalho.

Entre 4 de julho e 25 de agosto decorre o “Verão no Parque”, um programa especialmente projetado para públicos de todas as idades, que oferece um conjunto de atividades culturais e recreativas para desfrutar no Parque da Ponte.

O ano de 2023 assinala a 6.ª edição do festival internacional Nova Arcada Braga Blues que vai decorrer de 13 a 15 de julho, no Largo do Pópulo. Com 10 dias de blues na edição de verão, o festival conta com muitas novidades.

Braga, volta a ser ponto de encontro multicultural com mais uma edição do Festival Internacional de Folclore, que decorre nos dias 28, 29 e 30 de julho, na Praça Municipal. A cidade abre portas às mais variadas expressões populares provenientes dos vários pontos do globo. De regresso estão também as “Tardes de Domingo” nos dias 6, 13, 20, 27 de agosto e 3 de setembro. O Parque da Ponte é o palco para a atuação dos grupos folclóricos do concelho de Braga.

As noites quentes de agosto trazem muita música com os festivais “Sons do Noroeste” nos dias 3, 4 e 5 de agosto, na Praça Municipal. Três dias de música de raiz, com origens ou pontes entre o Norte de Portugal e a Galiza, sob pontos de vista e abordagens novas e contemporâneas.

Nas margens do Rio Este nasce um festival que celebra a essência musical da região. Sob o nome ESTEOESTE, este evento, que vai decorrer nos dias 11, 12 e 13 de agosto, no Parque da Ponte, destaca-se como uma plataforma para as bandas e artistas naturais ou residentes em Braga.

Além destes eventos há ainda muitos espetáculos para animar os dias e as noites amenas do verão, em Braga.

O programa completo dos “Ares de Verão” está disponível aqui.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES