Quinta-feira, Abril 15, 2021
18.9 C
Braga
InícioRegiãoCabeceiras de BastoCabeceiras de Basto aprovou mais 46 apoios para empresas a fundo perdido

Cabeceiras de Basto aprovou mais 46 apoios para empresas a fundo perdido

CM Cabeceiras de Basto

A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto vai atribuir mais 46 apoios para empresas a fundo perdido. A medida foi aprovada em Reunião de Câmara.

As 46 candidaturas ao Programa #CabeceirasCuida (Medida de Apoio a Fundo Perdido – Eixo 1 – Apoio Extraordinário às Empresas), vão receber um montante global de 52.500 euros. A entrega dos cheques aos 46 beneficiários terá lugar já na próxima quarta-feira, dia 31 de março.

No âmbito deste apoio extraordinário às empresas a fundo perdido foram já deliberados pela edilidade cabeceirense apoios no montante de 136.500 euros a um total de 116 empresas que empregam cerca de 200 pessoas. Em processo de análise estão, ainda, dezenas de outras candidaturas.

Este programa de apoio a fundo perdido é concedido por uma única vez a uma sociedade comercial/empresário em nome individual, com sede ou domicílio fiscal no concelho Cabeceirense, sendo o apoio financeiro calculado em função dos postos de trabalho: um posto de trabalho equivale a um apoio de 1.000 euros, até 5 postos de trabalho um apoio de 1.500 euros e mais de 5 postos de trabalho equivale a um apoio de 2.000 euros.

O Programa Municipal de Apoio #CabeceirasCuida tem como objetivo minimizar as consequências da pandemia, acudindo a situações de emergência económica e empresarial.

Aprovadas Normas de Participação do XV Concurso Literário Nacional – Conto Infantil de Cabeceiras de Basto

Durante a última reunião, o Executivo aprovou as normas de participação no XV Concurso Literário Nacional – Conto Infantil de Cabeceiras de Basto 2021, concurso que tem como objetivo promover o conto infantil e valorizar a cultura cabeceirense, promovendo em simultâneo a escrita criativa e a expressão literária.

Aos vencedores serão entregues prémios pecuniários no valor de 600 euros (1º prémio), 350 euros (2º prémio) e 250 euros (3º prémio) e ainda 200 euros para o melhor jovem escritor que receberá uma menção honrosa. Os contos a concurso terão obrigatoriamente que conter pelo menos uma alusão ao “Mosteiro de S. Miguel de Refojos”, referência essa que poderá ser de várias naturezas. 

De entre outros assuntos, foram aprovados pelo Executivo Municipal mais quatro apoios à natalidade no montante global de 2 mil euros; um pedido de isenção de taxas e um pedido de certidão de desanexação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS