Segunda-feira, Outubro 3, 2022
21.4 C
Braga
InícioRegiãoBombeiros de Braga recolheram mais de 37 toneladas de equipamentos elétricos usados

Bombeiros de Braga recolheram mais de 37 toneladas de equipamentos elétricos usados

© Electrão

Nos primeiros oito meses do ano, as cinco associações humanitárias de bombeiros voluntários do distrito de Braga, que aderiram à campanha “Quartel Electrão, já recolheram mais de 37 toneladas de equipamentos eléctricos usados.

O envolvimento dos bombeiros voluntários da região já permitiu reunir, entre janeiro e agosto, 31.761 quilos de equipamentos eléctricos usados, 5.712 quilos de lâmpadas e 57 quilos de pilhas. Esta sétima edição do “Quartel Electrão” arrancou em Janeiro e irá prolongar-se até Novembro.

No site www.ondereciclar.pt é possível saber qual é o quartel aderente mais próximo onde depositar pilhas, lâmpadas e equipamentos elétricos usados.

Braga

  • AHBV – Cabeceirenses
  • AHBV – Caldas das Taipas
  • AHBV – Celoricenses
  • AHBV – Famalicenses
  • AHBV – Viatodos

Nesta edição participam, globalmente, 191 associações humanitárias de todo o país, o número mais alto registado até agora nesta campanha.

Esta iniciativa, promovida pelo Eletrão, que tem a Liga dos Bombeiros Portugueses como parceira, é uma forma de apoiar a missão dos bombeiros, empenhados na protecção das populações e da biodiversidade. Por outro lado, os bombeiros dão também o seu contributo para que eletrodomésticos e outros equipamentos usados não poluam o ambiente combatendo assim, em várias frentes, o aquecimento global.

Prémios

O primeiro prémio do “Quartel Electrão”, que será atribuído à associação que mais equipamentos usados recolher a nível nacional, é um veículo ligeiro de combate a incêndios no valor de 54 mil euros. O segundo prémio corresponde a 5.000 euros convertíveis em equipamento de protecção florestal. As associações recebem ainda 75 euros por cada tonelada de resíduos que reunirem.

A campanha distribui ainda prémios por seis regiões – Norte, Centro, Interior, Lisboa e Vale do Tejo, Sul e Ilhas – que correspondem às áreas de recolha dos equipamentos. Há ainda um Prémio Novos Aderentes, criado para incentivar a adesão à campanha por parte de novas associações. Os vencedores destas categorias recebem 750 euros em cartões pré-pagos de combustível.

A associação que se destacar na recolha de pilhas será recompensada com um prémio de 1500 euros convertíveis em equipamento de protecção florestal. Um prémio do mesmo valor será também atribuído à associação que reunir mais lâmpadas.

Resultados globais

Em termos globais, a nível nacional, entre Janeiro e Agosto de 2022, os bombeiros já recolheram mais de 1.434 toneladas de pilhas, lâmpadas e outros equipamentos elétricos usados.

Na edição anterior, que decorreu entre Janeiro e Novembro de 2021, os bombeiros portugueses atingiram um máximo histórico na recolha de pilhas, lâmpadas e equipamentos elétricos usados chegando às 2.410 toneladas. Nessa edição participaram 165 associações humanitárias. O primeiro prémio foi para a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Marco de Canaveses, que recolheu 161 toneladas de lâmpadas, pilhas e equipamentos elétricos usados.

“A comunidade tem respondido exemplarmente ao repto lançado pelas associações humanitárias. Ao entregar pilhas, lâmpadas e outros equipamentos elétricos nos quartéis aderentes a população mostra o seu apoio aos bombeiros contribuindo ao mesmo tempo para o desígnio nacional da reciclagem, que é uma causa ambiental e de saúde pública”, sublinha o CEO do Eletrão, Pedro Nazareth.

Esta campanha do Electrão tem como objetivo envolver as associações humanitárias na causa da reciclagem de pilhas, lâmpadas e equipamentos elétricos usados. Globalmente, desde 2011, esta iniciativa já permitiu a recolha de dez mil toneladas de pilhas e equipamentos elétricos usados.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS