Sábado, Julho 31, 2021
16.7 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesSupercomputador Deucalion vai ser instalado em Guimarães

Supercomputador Deucalion vai ser instalado em Guimarães

CM Guimarães

O novo supercomputador Deucalion, adquirido pela União Europeia, vai ser instalado no Avepark, em Guimarães, e vai dotar Portugal de capacidade computacional para o desenvolvimento de simulações em todas as áreas da ciência e investigação.

O agregado computacional pesa 26 toneladas e consome cerca de 1,7 MegaWatts, mas tem na capacidade de processamento a principal característica: 10 PetaFlops. O que significa que terá a capacidade para executar 10 mil biliões de instruções por segundo. O investimento está orçado em 20 milhões de euros.

Esta ação resulta da uma estreita colaboração da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) com a Câmara de Guimarães e a Universidade do Minho.

A Câmara de Guimarães já estabeleceu um memorando de entendimento com a Fundação para a Ciência e Tecnologia e a Universidade do Minho com vista à instalação do Minho Advanced Computing Centre (MACC) no Avepark, que vai gerir o novo supercomputador. A Câmara assumiu a aquisição do lote 15 no AvePark, incluindo o imóvel existente, destinado a alojar o MACC.

O supercomputador Deucalion chegará ao abrigo da Empresa Comum para a Computação Europeia de Alto Desempenho (EUROHPC), uma iniciativa da União Europeia criada em 2018 que visa tornar a Europa líder mundial no domínio da supercomputação.

Domingos Bragança destaca a afirmação de Guimarães na captação de investimento na área da ciência e investigação, com objetivo de também apoiar as empresas na sua inovação. “Este supercomputador insere-se no envolvimento de Portugal na estratégia europeia de computação avançada e permitirá apoiar empresas de diferentes dimensões a tirarem partido das simulações computacionais para experiências morosas, dispendiosas, devido aos limites físicos da realidade. Além disso, deverá ainda pautar-se pelo uso de unidades de produção de energia renovável, o que é de enorme relevância para o país e para Guimarães”, sublinhou o autarca.

Apoie a Braga TV

O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS