Presépio Vivo de Priscos adiado para 2021
Terça-feira , Dezembro 1 2020 Periodicidade Diária nº 2652
Principal / Braga / Presépio Vivo de Priscos adiado para 2021

Presépio Vivo de Priscos adiado para 2021

O Presépio Vivo de Priscos foi cancelado e adiado para 2021. A decisão foi anunciada esta terça-feira pela organização, a fim de evitar os riscos de contágio da Covid-19.

João Torres, pároco da freguesia e mentor do Presépio Vivo de Priscos, explicou que a maior prioridade é a proteção e a saúde da população. “É com muita tristeza, mas também com grande sentido de responsabilidade que perante o cenário de perigo de contágio pela Covid-19, e assumindo o risco que pode constituir a realização de um evento como o Presépio Vivo de Priscos, vem por este meio a organização, informar sobre o cancelamento do evento. Assim, e tendo como prioridade a proteção da saúde pública, todas as sessões previstas no âmbito desta décima quinta edição, ficam sem efeito, tendo por base as recomendações da Direção-Geral de Saúde”, anunciou.

O pároco explicou que “seria impossível garantir o cumprimento das medidas preventivas no decorrer da iniciativa, a partir da entrada e distanciamento social em cada cenário, porque os envolvidos são realmente muitos, mais de 600 figurantes e entre 100 a 144 mil visitantes”.

Foi com tristeza que a organização comunicou o cancelamento, uma vez que o evento traz milhares de visitantes à freguesia de Priscos. “O Natal sem presépio não tem o mesmo sabor. Porque a beleza do Natal em Priscos é ter dez mil rostos estranhos nas ruas da nossa aldeia, em cada sessão, que graças à magia do Natal são todos irmãos. Em cada ano, na realização do presépio, há mil problemas, estamos cansados, mas existe uma satisfação enorme quando olhamos os olhos das crianças, mas também dos mais velhos, maravilhados, compensa qualquer esforço”, lamentou o mentor.

O pároco deixou uma mensagem de ânimo a toda a população, relembrando que “é preciso adiar o evento pela segurança de todos e pelo respeito aos profissionais de saúde” e que no próximo ano, o Presépio Vivo de Priscos voltará com melhores condições. “Não queremos que a nossa mensagem de vida, esperança, salvação e amor, se transforme em dor, lágrimas e cinzas. Haverá tempos melhores para nos vermos novamente, mas entretanto este Natal de 2020, este Natal tão diferente, virá com a sua magia da mesma forma. Vamos gastá-lo com nossos entes queridos e nos comportarmos com responsabilidade, respeitando o trabalho de todos os médicos, enfermeiros, pessoal de saúde e todos aqueles que nos deixaram por causa deste vírus infame. Respeitamos o que nos pedem para fazer e voltaremos, quanto antes, para ficarmos juntos. Em 2021 estaremos em melhores condições para trazer a todo o país o melhor e maior Presépio Vivo da Europa”, finalizou João Torres.

O Presépio Vivo de Prsicos é o maior presépio da Europa com mais de 600 figurantes, distribuídos por mais de 90 cenários.