Quarta-feira, Julho 24, 2024
21.6 C
Braga
AtualidadePolíticaPedro Sousa recandidata-se à liderança do PS Braga

Pedro Sousa recandidata-se à liderança do PS Braga

Sob o lema “Ganhar Braga”.

© PS

Pedro Sousa apresentou a sua recandidatura à liderança do PS Braga sob o lema “Ganhar Braga”.

Na apresentação marcaram presença o recém eleito eurodeputado Bruno Gonçalves, Victor Hugo Salgado, presidente do PS de Vizela, Vânia Cruz, presidente da Estrutura Federativa das Mulheres Socialistas de Braga, e Liliana Pereira, coordenadora Concelhia das Mulheres Socialistas -ID.

João Nogueira, ex-autarca e atual vice-presidente da Bancada do PS na Assembleia Municipal de Braga, disse que “Pedro Sousa tem o Partido Socialista a correr-lhe nas veias. Defende os valores socialistas em cada ação, procura sempre o diálogo e a união e tem uma visão não só para o Partido, mas também para a cidade”.

Já Liliana Pereira frisou que “no último mandato, promovemos ações de formação para autarcas, fóruns sobre diversos temas, visitas e reuniões nas freguesias do concelho, comissões políticas descentralizadas, voltamos a organizar o tradicional almoço do 25 de abril e celebramos os 50 anos do PS numa grande Gala do Theatro Circo. Mas de todas as ações, nenhuma merece mais destaque do que a ambicionada compra e reabilitação da nossa Sede. Hoje a nossa Sede é património do PS Braga”.

Bruno Gonçalves afirmou que Pedro Sousa “tem uma visão para o partido e para Braga e que é um líder de diálogos e consensos”.

Pedro Sousa explicou que “Ganhar Braga” não é apenas um slogan, “é um convite, um movimento, uma escolha, uma ação”.

O candidato quer “reforçar o Partido Socialista, qualificar a sua ação, dar mais lastro e mais vigor à sua intervenção no território, ao diálogo estruturado com as forças vivas da cidade e com as instituições mais relevantes do concelho estabelecendo como meta vencer e reconquistar o governo do município”.

Para Braga, Pedro Sousa tem uma visão clara que passa pela “aposta na Habitação, fundamental para fixar o talento, a criatividade e a inovação; na Educação, o grande garante de igualdade de oportunidades para todos e de funcionamento do sistema de elevação social; na afirmação de uma visão diferente para a Cultura, como motor fundamental de uma Cidade/Concelho que, sendo aberto, cosmopolita e multicultural, quer ter identidade, autenticidade e genuinidade; e num projeto integrado, ecologista e transversal de transformação profunda da nossa política de mobilidade e espaços verdes”.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES