Segunda-feira, Setembro 27, 2021
18.3 C
Braga
InícioPaísPatrícia Mamona: “Pensavam que eu já era velha, mas tenho muito ainda...

Patrícia Mamona: “Pensavam que eu já era velha, mas tenho muito ainda para dar”

© Federação Portuguesa de Atletismo

Patrícia Mamona foi recebida em apoteose no seu regresso a Portugal, no aeroporto Humberto Delgado, após a conquista da medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Após ser recebida por familiares, amigos e fãs, além dos vice-presidentes da Federação Portuguesa de Atletismo, Fernando Tavares e Luís Figueiredo, Patrícia Mamona, em declarações, disse estar ainda “a tentar perceber o que está a acontecer”. “A receção foi espetacular, as pessoas mais importantes da minha vida, os amigos, o meu clube, fãs, um obrigado. Um agradecimento especial aos portugueses, senti a energia sempre. É um orgulho representar esta nação”, disse Patrícia Mamona.

A atleta do Sporting prometeu dar sempre o seu melhor, mesmo aqueles que olham para a idade. “De mim podem sempre pensar que vou dar tudo. Se calhar muitos não acreditavam em mim, pensavam que já era velha, mas tenho muito, muito para dar. Felizmente, tive uma carreira sem lesões graves o que tem ajudado. Temos de desligar das idades e acreditar que somos capazes. De mim esperem sempre o melhor”, garantiu.

Orgulhosa por estar no restrito grupo de mulheres que conseguiu marcas acima dos 15 metros no triplo salto, Patrícia não quer ficar por aqui. “Não conseguia contentar-me com o recorde pessoal e nacional. Há sempre algo a melhorar. Felizmente tenho uma marca que era algo impensável, estar no patamar dos 15 metros é estar no clube das melhores de sempre. Agora é aproveitar a maré, tenho três anos para preparar os próximos Jogos, entretanto há mundiais e agora é consolidar estes 15 metros”, finalizou.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS