Domingo, Setembro 19, 2021
18.2 C
Braga
InícioRegiãoVila Nova de FamalicãoPAN reúne com Refood Famalicão

PAN reúne com Refood Famalicão

© PAN

O PAN Famalicão reuniu com a associação Refood. A reunião contou com a presença da candidata à Câmara Municipal, Sandra Pimenta, do candidato à Assembleia Municipal, Emanuel Figueiredo, e dois voluntários do núcleo famalicense da Refood.

O núcleo de Famalicão efetuou o pedido de reunião à associação de forma a identificar quais os principais desafios que esta enfrenta no seu quotidiano, e também quais os principais problemas que afetam os seus beneficiários.

“É muito produtivo reunir com as pessoas que trabalham no terreno. Elas têm sempre uma visão mais real da situação atual e dos números referentes às famílias que vivem em regime de pobreza e carência alimentar. O compromisso dos voluntários da Refood, para com a sociedade, transcende qualquer ideia preconcebida de quem observa por fora. Tivemos a oportunidade de ouvir em primeira mão um conjunto de histórias que nos fez perceber que o papel dos voluntários é muito mais que apenas a entrega da refeição”, refere Sandra Pimenta.

A Refood serve atualmente 84 agregados familiares e um total de 184 beneficiários, tendo servido no mês de julho 4573 refeições.

“Esta reunião serviu, igualmente, para tentar perceber de que forma será possível uma maior e melhor articulação entre o município e as suas associações. Mais do que apenas um apoio financeiro, o município deve ser parte interveniente na reintegração e na dignificação da vida dos beneficiários da Refood, criando pontes de ligação entre associações, que apenas se consegue com caracterizações detalhadas de todas as funcionalidades e capacidades das mesmas, fornecendo serviços técnicos de ação social para facilitar a ação destas associações e sempre que possível, na integração dos mesmos no mercado de trabalho”, terminou Emanuel Figueiredo.

Paralelamente à questão social, o desperdício alimentar é outra das preocupações do partido, pelo que o PAN defende a elaboração e implementação de um plano de ação, em parceria com as associações locais, que identifique as origens do desperdício alimentar no município de Famalicão e contemple soluções para a sua eliminação e/ou aproveitamento e considera importante que se crie uma rede de partilha dos excedentes agrícolas com vista a reduzir o desperdício alimentar e promovendo o sentido de comunidade, garantindo o apoio a pessoas economicamente mais vulneráveis, em articulação com associações locais.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS