Sábado, Maio 28, 2022
27.8 C
Braga
InícioBragaPAN Braga quer reforço das verbas dos programas nacionais para os transportes...

PAN Braga quer reforço das verbas dos programas nacionais para os transportes públicos

© PAN

A candidatura do PAN à Assembleia da República, acompanhada da concelhia de Braga, reuniu com a administração dos TUB.

Segundo Rafael Pinto, cabeça de lista da candidatura, “o objetivo da reunião passou por conhecer as maiores dificuldades na gestão dos transportes públicos em Braga e os projetos previstos para os próximos anos, incluindo  a descarbonização da frota”. 

O PAN relembra que uma das razões que os levou a votar contra o orçamento municipal de Braga “foi a falta de investimento na TUB por parte da Câmara Municipal”, acrescentando que ” a descarbonização da rota está totalmente dependente dos fundos europeus, que podem não ser aprovados”. Para o candidato do PAN, “a autarquia também deveria investir verbas próprias para garantir um processo mais rápido de melhoria do ambiente e qualidade do ar no concelho”. 

O cabeça de lista afirma ainda que “a gestão dos TUB tem conseguido reduzir o passivo, mas também aqui a Câmara poderia ser mais interventiva, garantindo uma melhoria mais rápida do serviço. Para além disto, a criação de condições que facilitem a circulação dos autocarros na vida, como as linhas bus, é essencial”. 

O partido assume a melhoria dos transportes públicos no distrito como uma das bandeiras para estas eleições, incluindo transportes rodoviários e ferrovia.

Para isso, o PAN propõe “o reforço das verbas dos programas nacionais de apoio aos transportes públicos, como o PART, que apoia as autarquias na redução dos preços dos passes e o PROTRANSP, que apoia a compra de autocarros podendo aumentar a rotas e a sua frequência”. 

Já na ferrovia o partido quer ligar todas as capitais de distrito até 2030.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS