Nasce em Braga projeto que alia música ao património de Portugal
Sexta-feira , Setembro 18 2020 Periodicidade Diária nº 2578
Principal / Cultura / Nasce em Braga projeto que alia música ao património de Portugal

Nasce em Braga projeto que alia música ao património de Portugal

Foto: Iconikus

Foi criado em Braga a “Iconikus – a História que se faz ouvir”, um projeto que pretende dar a conhecer os monumentos mais emblemáticos do país, ao conciliar a música eletrónica com imagens de locais icónicos, transmitidos online. A primeira edição deste projeto realizou-se no dia 15 de agosto, no Presépio de Priscos.

Carlos Pinto, DJ e fundador da Iconikus, escolheu este local para o lançamento inaugural do projeto, uma vez que é habitante de Priscos. O empresário bracarense tenciona conciliar o mundo da música moderna com o património através de multimédia, das redes sociais e transmitir para os quatro cantos do mundo. “A Iconikus é uma marca original e 100% nacional, tornando-a num evento único. Todos os lugares onde pretendemos criar estes eventos para além de boa música também vai dar a conhecer a nossa riqueza cultural e patrimonial através do streaming nas nossas redes sociais”, explicou Carlos Pinto.

A edição inaugural decorreu num “Sunset” onde foram transmitidas imagens do espaço do Presépio de Priscos, mas também da beleza natural que envolve este espaço e da freguesia através de imagens aéreas. O palco foi montado frente ao Senado, um dos cenários mais belos deste presépio.

O empresário salientou que a primeira edição “correu muito bem” e acredita que através deste lançamento será possível ter outros convites pelo país e permitir a divulgação dos mais belos lugares do país, conciliando a música electrónica com a cultura portuguesa.

A primeira edição do Iconikus contou com a parceria da Junta de Freguesia de Priscos e com o apoio do Padre João Torres, pároco de Priscos ao ceder para promoção da marca o espaço afeto ao Presépio de Priscos.

O mais pequeno contributo pode ter um grande impacto. O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região. Apoie aqui.