Sábado, Outubro 16, 2021
20 C
Braga
InícioBragaHugo Pires: “Reduzida oferta de habitação é um dos problemas que preocupa...

Hugo Pires: “Reduzida oferta de habitação é um dos problemas que preocupa a população de Braga”

PS

Hugo Pires, candidato do Partido Socialista à presidência da Câmara Municipal de Braga, visitou este fim de semana as freguesias de Mire de Tibães e Palmeira, no âmbito do seu “Tempo de Ouvir”, período de pré-campanha que tem dedicado a auscultar a população e as suas entidades representativas.

Na visita, o candidato socialista constatou que “a reduzida oferta de habitação, que está a provocar a prática de preços elevados, confirmou-se, mais uma vez, como um dos problemas que preocupa sobremaneira a população de Braga”.

A “ausência de oferta construída”, tal como a de “espaços para construção própria”, foi, segundo o candidato, várias vezes mencionada pelos interlocutores nestas duas localidades, que sublinharam igualmente a “necessidade de reforçar os apoios à família, concretamente na criação de uma rede de creches que possa acolher as crianças nos primeiros anos de vida”.

Em Mire de Tibães, onde foi recebido por um significativo grupo de jovens, entre eles Jorge Dias, próximo cabeça-de-lista à Assembleia de Freguesia, e pelo ex-presidente da Junta de Freguesia, Jorge Gomes, Hugo Pires inteirou-se de alguns dos problemas que mais afetam os interesses da população, desde logo “o imperativo alargamento do cemitério, um processo que continua à espera de solução e que envolve a Autarquia local, a Câmara Municipal de Braga e a Direção Regional de Cultura do Norte, esta enquanto tutela do imóvel de interesse público que é o Mosteiro de Tibães”.

Na visita por Mire de Tibães, Hugo Pires ficou a conhecer a “Antiga Casa do Peixoto”, adquirida pela Autarquia para aí instalar uma nova sede da Junta de Freguesia, processo que “não está a merecer o apoio da população, bem assim como o ‘armazém’ em que se tornou o jardim de infância da localidade”.

“Consideramos que, à falta de melhor proposta, o edifício do jardim de infância, que está transformado apenas num armazém de cadeiras e de outros materiais, poderia acolher muito bem uma creche, que tanta falta nos faz”, sublinhou Jorge Dias.

Já na Escola Básica, os candidatos socialistas confirmaram outra preocupação, nomeadamente “a insegurança provocada pela queda do revestimento exterior do edifício e a poluição resultante da laboração de uma indústria de mármores”. “São verdadeiras lâminas que se desprendem das fachadas e isso põe em risco as crianças; quanto ao pavilhão dos mármores, mesmo nas traseiras da escola, provoca ruídos excessivos e liberta poeiras, que, obviamente, atentam quanto à qualidade do ar que por ali se respira”, afirmaram.

Já em Palmeira, Hugo Pires foi acompanhado por Rosa Monteiro, candidata à Assembleia de Freguesia, numa visita à Urbanização da Quinta de São José, nas imediações do Palácio Dona Chica. Ali, o foco incidiu nas questões ambientais, designadamente “a poluição sonora e do ar, provocada por indústrias instaladas no Parque Industrial de Pitancinhos, fronteiro a esta área residencial”.

“São questões como estas que não podem ficar eternamente sem solução. O Município de Braga tem de ser responsável e intervir ativamente na sua resolução, para que as pessoas não vejam passar quatro, oito ou 12 anos sem que aquilo que lhes transtorna a qualidade de vida, que todos desejamos, seja resolvido”, finalizou Hugo Pires.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS