Domingo, Julho 25, 2021
21.4 C
Braga
InícioBragaHugo Pires quer transportes gratuitos para residentes e estudantes no concelho de...

Hugo Pires quer transportes gratuitos para residentes e estudantes no concelho de Braga

PS Braga

O candidato do Partido Socialista à presidência da Câmara Municipal de Braga, Hugo Pires, defende a gratuitidade dos transportes públicos a residentes e estudantes no concelho para reduzir a poluição na cidade.

Hugo Pires explicou que Braga é um dos concelhos que “mais tem crescido em termos populacionais” e que a “mobilidade é o fator determinante na qualidade de vida dos bracarenses”.

“Este crescimento populacional é positivo e desejável se queremos uma cidade pujante e com massa critica, mas, ao mesmo tempo, traz-nos outro tipo de desafios, nomeadamente à forma como nos organizamos e como expandimos a malha urbana sem perder qualidade de vida. É aqui que a mobilidade é fator determinante na qualidade de vida dos bracarenses”, explicou o candidato.

Para Hugo Pires, a sua estratégia passa por uma rede de transportes públicos moderna e a implementação de modos suaves de mobilidade para evitar “filas de trânsito, desgaste, stress, poluição do ar e o ruído, devendo a mobilidade ser uma prioridade fundamental” e é nesse sentido que o candidato “defende a gratuitidade dos transportes públicos”.

O candidato do PS explicou que o orçamento dos TUB foi de “aproximadamente 12 milhões de euros” e que o Município de Braga “terá de investir, adicionalmente, um valor próximo das receitas próprias da empresa, para continuar a dar resposta ao serviço”. Hugo Pires quer, ainda, investir em transportes mais modernos e em veículos elétricos e a hidrogénio.

“Se aliarmos a este instrumento de financiamento os 40 milhões de euros que o POSEUR tem cabimentados para a compra de autocarros elétricos e a hidrogénio fora das duas grandes áreas metropolitanas, temos uma oportunidade imperdível para Braga. Dos 2 milhões de investimento previsto anualmente para melhorar e descarbonizar a frota, este valor terá uma comparticipação de 100% dos fundos comunitários. Se quanto ao investimento estamos esclarecidos, reparemos nos 6,5 milhões de euros de receitas geradas pelos TUB, com a venda de títulos, e percebemos como é que esse valor será suportado pelo orçamento municipal”, explicou.

O candidato acrescentou que as pessoas que não vivam ou estudam em Braga terão de pagar o seu título para usar os transportes públicos e a receita em publicidade nas paragens e nos veículos “aumentará substancialmente com o aumento do número de utilizadores”.

Hugo Pires salientou que a receita será proveniente da derrama municipal existente, em que “as empresas que geram lucros até 150 mil euros por ano já contribui com 0,1% para o Município e as empresas que têm mais de 150 mil euros de lucro por ano, já contribuem com 1,5%”.

“Esta medida, além de ser transparente, apela à responsabilidade social e ambiental dos empresários, além de incentivar o Município de Braga a ter um papel pró-ativo na captação de investimento. Quanto mais empresas existirem e quanto mais riqueza gerarem, mais qualidade de vida terão os bracarenses”, sublinhou Hugo Pires, pretendendo que a empresa municipal dos TUB seja extinta, uma vez que “deixará de gerar mais de 50% de receitas próprias devido à gratuitidade dos transportes” e criar uma direção municipal de mobilidade.

“Acabar com uma empresa municipal não é acabar com os TUB. Acabar com uma empresa municipal é internalizar um serviço que deve ser gerido de forma integrada, com as outras áreas da gestão municipal, é ter técnicos especialistas na gestão, é otimizar custos e é partilhar recursos”, finalizou o candidato à presidência da Câmara Municipal de Braga.

Apoie a Braga TV

O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS