Segunda-feira, Abril 22, 2024
13.8 C
Braga
RegiãoGuimarãesGuimarães terá Space Hub para afirmar-se no setor aeroespacial

Guimarães terá Space Hub para afirmar-se no setor aeroespacial

© CM Guimarães

O Município de Guimarães e o CEiiA vão celebrar um protocolo de colaboração com vista à definição e implementação de um plano estratégico para a criação do “Guimarães Space Hub”, um polo tecnológico que tem como objetivo a promoção do setor aeroespacial, nomeadamente das tecnologias relacionadas como o “Novo Espaço” (New Space).

A Câmara de Guimarães e o CEiiA – Centro de Engenharia e Desenvolvimento de Produto vão assumir o compromisso de colaboração para o desenvolvimento do projeto do Centro de Operações do Atlântico, um centro que controlará um conjunto de 16 satélites para a monitorização do Atlântico e das florestas, que será construído pelo consórcio liderado pela empresa portuguesa GeoSat, até ao final de 2025, e, a partir do “Guimarães Space Hub”, para o estímulo da cooperação no setor do espaço, centrada nas vertentes empresarial, ensino e investigação, entre o Norte de Portugal e a Galiza e o Norte de Portugal e Castilla-Leon, através da promoção dos eixos Guimarães-Vigo e Guimarães-Valladolid.

O “Guimarães Space Hub” enquadra-se na aposta estratégica traçada por Guimarães na área da Ciência e do Conhecimento, e pretende ser “um importante núcleo de fixação de recursos altamente qualificados, com vista à colocação do conhecimento científico e da tecnologia ao serviço da indústria, da sociedade e da qualidade de vida das pessoas”.

Beneficiará do papel ativo da Escola de Engenharia da UMinho, nomeadamente da Engenharia Aeroespacial, e da competência científica e tecnológica do CEiiA, no desenvolvimento de novos produtos e serviços nos setores da Aeronáutica e Espaço, assim como no estabelecimento de parcerias internacionais de referência no setor

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES