Sexta-feira, Maio 7, 2021
11.7 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesGuimarães requalifica cemitérios da União de Conde e Gandarela

Guimarães requalifica cemitérios da União de Conde e Gandarela

CM Guimarães

O presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, inaugurou as obras de reformulação nos cemitérios das freguesias de Conde e Gandarela, este sábado, num ato simbólico que contou com a presença dos elementos do Executivo da União de Freguesias, dos vereadores Ricardo Costa e Sofia Ferreira, assim como do Padre Adelino Rosas.

Nestes cemitérios, procedeu-se à colocação de columbários, para depósito de cinzas depois da cremação, a substituição das tubagens de água e pintura dos mesmos. No Cemitério de Conde foi substituído piso e a criação de uma nova entrada para pessoas com mobilidade reduzida, num investimento global a rondar os 52 mil euros.

O autarca de Guimarães destacou a intervenção do Executivo da Junta “na capacidade de resposta aos anseios que são transmitidos pela comunidade”. Domingos Bragança salientou que “os cemitérios são espaços de memória, de homenagem e de gratidão pelos que partiram mas fazem parte de nós no nosso coração. A forma exemplar como são tratados estes espaços refletem a qualidade e a atenção da Junta de Freguesia assim como da comunidade”.

O presidente da União de Freguesias de Conde e Gandarela, Flávio Freitas, destacou o “momento importante” com a realização destas obras. “A requalificação dos cemitérios vai ao encontro de um objetivo da Junta de Freguesia, proporcionando a possibilidade às famílias em depositarem as cinzas dos entes falecidos quando decidem serem cremados. É uma obra importante em Conde e Gandarela, possível com o apoio da Câmara Municipal de Guimarães”, referiu.

Apoie o jornalismo.

A Braga TV é um canal de informação independente. Todas as notícias e conteúdos são e continuarão a ser disponibilizados gratuitamente.

Para continuar a oferecer um serviço de informação de referência na região, precisamos do apoio dos nossos leitores para continuar a desempenhar o nosso papel de informar.

Precisamos do seu contributo, caro leitor.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS