Domingo, Julho 25, 2021
18.9 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesGuimarães recebe Congresso Nacional de Autoimunidade

Guimarães recebe Congresso Nacional de Autoimunidade

CM Guimarães

São mais de 400 os profissionais de saúde inscritos no VII Congresso Nacional de Autoimunidade XXVI e na Reunião Anual NEDAI (Núcleo de Estudos de Doenças Auto-Imunes) que está a decorrer em Guimarães até ao próximo sábado, num evento em formato híbrido com sessões presenciais e também online, visando a apresentação de comunicações e estudos científicos das doenças autoimunes.

A sessão de abertura decorreu esta terça-feira, 15 de junho, com a presença do secretário de Estado Adjunto e da Saúde. António Sales sublinhou a “atenção especial” para o tema das doenças autoimunes, justificando o elevado número de pessoas afetadas, assim como “a sua complexidade e a grande dificuldade em chegar a um diagnóstico que permite um tratamento atempado. Hoje já é possível fazer um diagnóstico mais célere e mais preciso, mas o caminho é desafiante para se chegar a um diagnóstico que é muitas vezes moroso. É essencial o trabalho em rede que evolve doentes, sociedade, investigadores e clínicos”, salientou o governante, na sessão que decorreu no Centro Cultural Vila Flor. António Sales evidenciou ainda o “tempo de incerteza” perante a situação de pandemia, deixando uma palavra de apreço aos médicos, em especial os internistas, assim como aos autarcas que “deram uma grande lição” no trabalho de cooperação com as várias entidades de saúde e proteção civil neste combate à pandemia, apontando o exemplo do concelho de Guimarães.

Domingos Bragança, presidente do Município de Guimarães, deu as boas vindas a todos os participantes, aproveitando a ocasião para deixar uma palavra de “gratidão” ao Hospital Senhora da Oliveira e aos seus profissionais na estreita cooperação com o poder local, a rede social e a interligação com a ARS-Norte e Ministério de Saúde. “Temos a felicidade de contar com excecionais médicos e enfermeiros e outros profissionais de saúde e, por isso, atribuímos a condecoração coletiva a todos os profissionais de saúde pelo exemplo no combate à pandemia. Em Guimarães, trabalhamos em cooperação na área da saúde, numa rede de entidades e instituições, numa abordagem multidisciplinar, porque a saúde diz respeito a toda a comunidade”, vincou o presidente da Câmara.

Com mais de meio milhão de pessoas a sofrer de doenças autoimunes em Portugal, “este congresso reveste-se de uma enorme importância, com dezenas de apresentações com peso científico”, salientou Henrique Capelas, presidente do Conselho de Administração do Hospital Senhora das Oliveira.

Pedro Cunha, presidente do Colégio de Especialidade de Medicina Interna, lembrou a “essência de ser internista” através da “troca de experiências e novas formas de agir para colocar ao serviço dos doentes” neste Congresso que está a decorrer em Guimarães. A presidente Comissão Organizadora deste Congresso, Glória Alves, destacou a persistência na realização do evento e o “apoio incondicional” da Câmara de Guimarães. “Construímos este congresso para a sociedade e para todos os colegas que ao longo de últimos anos transformaram estes congressos numa reunião científica das mais importantes da atualidade”, destacou.

A sessão de abertura contou, ainda, com as intervenções de Carlos Nunes, presidente da ARS Norte, António Marinho, presidente do Núcleo de Estudos de Doenças Auto-Imunes (NEDAI), João Correia, Presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna e o médico Jorge Cotter, Diretor do Serviço de Medicina do Hospital Senhora da Oliveira.

Apoie a Braga TV

O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS