Quarta-feira, Novembro 30, 2022
9.5 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesGuimarães: Reabilitação do Teatro Jordão distinguida com “Prémio Prestígio”

Guimarães: Reabilitação do Teatro Jordão distinguida com “Prémio Prestígio”

© CM Guimarães

A reabilitação do Teatro Jordão, em Guimarães, foi distinguida com o “Prémio Prestígio” dos Prémios do Imobiliário Expresso SIC Notícias.

Foi no final da tarde de ontem, na Praça Municipal de Braga, que teve início a gala de entrega de prémios da 4ª Edição dos Prémios do Imobiliário Expresso SIC Notícias, cuja finalidade é premiar a qualidade e inovação nas áreas da promoção e mediação imobiliária, dividindo-se em várias categorias. A 4ª edição premiou projetos de imobiliário cuja construção foi concluída, no essencial da obra, entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de 2021.

A reabilitação do Teatro Jordão e Garagem Avenida, que foi executada pelas empresas NVE Engenharias S.A. e Costeiras – Engenharia e Construção, S.A., com projeto de arquitetura desenvolvido pelo ateliê vimaranense Pitágoras, foi distinguida com 2 prémios, entre os quais o mais importante do concurso, o “Prémio Prestígio”, que tem como objetivo distinguir o melhor projeto a nível nacional. A obra venceu ainda na categoria “Reabilitação Urbana e Reconstrução”, subcategoria “Equipamento Público ou Património Cultural”.

Presente na cerimónia, Domingos Bragança, presidente da Câmara Municipal de Guimarães, que se fez acompanhar pelo vereador da Cultura, Paulo Lopes Silva, e por representantes das duas empresas construtoras, recebeu, das mãos do CEO do grupo IMPRESA, Francisco Pedro Balsemão, e de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, o “Prémio Prestígio”. Um prémio que, segundo Domingos Bragança, “vem reconhecer o cometimento das políticas públicas da autarquia vimaranense para com a reabilitação do seu património edificado, reabilitando-o e refuncionalizando-o, ao serviço da Cultura, Ciência e Educação, os três pilares de desenvolvimento do território. Além disso, vem confirmar o que é apanágio das obras municipais realizadas nos últimos anos, e que é a qualidade e exigência dos projetos e a sua execução em conformidade”.

O Teatro Jordão é atualmente utilizado pela Universidade do Minho e pelo Conservatório de Guimarães para a lecionação de cursos de Teatro, Artes Visuais e Música, consolidando Guimarães como o município do país que mais investe na cultura.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS