Quarta-feira, Agosto 10, 2022
26 C
Braga
InícioBragaGrande Prémio de Literatura de Viagens Maria Ondina Braga com candidaturas abertas

Grande Prémio de Literatura de Viagens Maria Ondina Braga com candidaturas abertas

DR

Estão abertas até 22 de julho as candidaturas ao Grande Prémio de Literatura de Viagens Maria Ondina Braga.

Este prémio, instituído pela Associação Portuguesa de Escritores e com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Estão abertas até 22 de julho as candidaturas ao Grande Prémio de Literatura de Viagens Maria Ondina Braga., destina-se a galardoar uma obra em português e de autor português, no domínio da Literatura de Viagens, publicada no ano 2021 e em 1.ª edição. O valor do Grande Prémio, a cujo concurso não são admitidas obras póstumas, é de 12.500 euros.

Recorde-se que, no âmbito das Comemorações do Centenário de Maria Ondina Braga, foi recentemente apresentado I Volume das Obras Completas de Maria Ondina Braga, editado pela Imprensa Nacional – Casa da Moeda, numa edição com o apoio do Município de Braga.

Este volume reúne o conjunto de três livros notáveis, as suas conhecidas e apreciadas narrativas autoficcionais ou biografia romanceada (Estátua de Sal, Passagem do Cabo e Vidas Vencidas), levando ao encontro do leitor de hoje a obra de Maria Ondina Braga de há muito esgotada no mercado editorial português.

A edição das Obras Completas será constituída por 7 volumes, com coordenação de Isabel Cristina Mateus e Cândido Oliveira Martins. Periodicamente, a edição de cada volume será confiada a um investigador de uma equipa de ensaístas da obra literária ondiniana. Indisponível hoje nas livrarias, a edição da obra de Maria Ondina Braga é a maior homenagem que podemos prestar à escritora, entre muitas outras iniciativas que preenchem o Programa de celebração do Centenário do seu nascimento, em Braga.

Cândido Oliveira Martins é o editor responsável por este primeiro volume que permite agora ao leitor contemporâneo descobrir a escritora mais cosmopolita da literatura em língua portuguesa do século XX, um percurso multicultural único e uma voz pioneira na afirmação de uma escrita no feminino, anterior à sua polémica irrupção nas vésperas de Abril.

Este livro será reapresentado no dia 9 de julho, pelas 21:00, na Feira do Livro de Braga, pelos coordenadores desta edição, nomeadamente José Cândido de Oliveira Martins e Isabel Cristina Mateus.

Também na Feira do Livro, no dia 14 de julho, às 21:00, estreará o filme documentário, especialmente encomendado pelo Município de Braga, para as Comemorações Centenárias de Maria Ondina Braga, com o título “O que vêem os anjos”, com autoria de José Miguel Braga e com realização de Tiago Fernandes.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS