Terça-feira, Agosto 9, 2022
27.1 C
Braga
InícioBragaFestival Internacional de Folclore arranca esta sexta-feira em Braga

Festival Internacional de Folclore arranca esta sexta-feira em Braga

© CM Braga

É já este fim de semana, sexta, sábado e domingo, que Braga se vai encher de cor, alegria e muito ritmo com mais uma edição do Festival Internacional de Folclore (FIF). Dos ritmos quentes e intensos da América Latina aos vibrantes e alegres movimentos de África, o FIF propõe uma viagem pelas cores, danças e melodias do mundo, mas também irá apresentar as danças mais tradicionais das diferentes regiões etnográficas do nosso país, dando especial ênfase aos grupos folclóricos do concelho.

Ao todo, 23 grupos folclóricos oriundos de sete países irão pisar o palco da Praça Municipal num verdadeiro hino à etnografia, à tradição e à cultura do mundo. De Portugal estarão representadas cinco regiões.

O evento que já é uma referência no país atraindo sempre muito público, arranca na sexta-feira, pelas 21:45, na Praça Municipal. O Grupo Folclórico Dr. Gonçalo Sampaio de Braga abre o Festival, seguindo-se a atuação de GEMP Escola e Cia. de Dança do Brasil. A Companhia Artística MIEN – MOH da Costa do Marfim são os próximos a pisar o palco, seguindo-se ainda o Ballet Folclórico Municipal de Rancagua do Chile; o Ballet Folklórico del Instituto Tecnológico de Celaya do México e a terminar a primeira noite o Grupo Folclórico de Macada de Vimieiro.

No sábado, 30 de julho, as atuações iniciam também pelas 21:45, com as presenças da Associação Cultural e Festiva “Os Sinos da Sé” de Braga; Pauliteiros de Miranda do Douro, Bragança; Rancho Folclórico do Cartaxo, de Santarém; Rancho Regional da Casa do Povo de Ílhavo, de Aveiro; Grupo Etnofolclórico Renascer de Areosa de Viana do Castelo e o Grupo Folclórico “Hélios de Figueiredo”, de Braga a encerrar.

No domingo, as atuações arrancam pelas 17:00 com o Grupo Folclórico de S. Miguel de Gualtar a abrir a festa, seguindo-se o Grupo Folclórico de Aveleda; o Rancho Folclórico do CATEL de Cunha e o Rancho Folclórico da ACR de Cabreiros.

À noite, pelas 21:00, sobem ao palco o Grupo Folclórico da Universidade do Minho; Twin Art Visual do Burundi; Ballet Folclórico Sabor Boricua de Porto Rico; Grupo Folclórico Etnográfico de Palmeira, de Braga; Grupo de Folclore MonteVerde da Madeira e a encerrar o festival a Rusga de S. Vicente – Grupo Etnográfico do Baixo Minho.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS